'Nunca ouvi falar de propina', diz Dourado - WSCOM

menu

Brasil & Mundo

31/08/2005


'Nunca ouvi falar de propina',

Jucelino Dourado, chefe de gabinete do ministro da Fazenda, Antonio Palocci, disse que “nunca ouviu falar no pagamento de propina da Leão&Leão para a prefeitura de Ribeirão Preto que seria repassada a Delúbio Soares”, ex-tesoureiro do PT. Conforme denúncia do advogado Rogério Buratti, a Leão&Leão pagava mensalmente R$ 50 mil à prefeitura de Ribeirão Preto que seriam repassados a Delúbio.

“Não acredito que isso tenha acontecido”, disse. “Então, Buratti mentiu?”, perguntou o relator da CPI dos Bingos, senador Garibaldi Alves (PMDB-RN). “Eu compreendo a situação do Rogério”, respondeu, enfatizando o componente psicológico que estaria influenciando suas declarações.

Dourado disse que nesses 13 anos que convive com o ministro Antonio Palocci, conhecendo sua vida pessoal e os cuidados que teve com sua vida política, não acredita que isso tenha acontecido durante sua gestão na prefeitura.

Disse também que não tinha conhecimento de Caixa Dois na campanha eleitoral de Palocci e nem de doações da Leão&Leão para a campanha de 2000 que não tenham sido contabilizadas. “O ministro Palocci sempre foi cuidadoso com a estrutura financeira de suas campanhas. Isso é mais um reflexo de sua vida pessoal.

Notícias relacionadas