Nos 420 anos da Capital, prefeito diz que há um novo processo de gerir recursos - WSCOM

menu

Política

05/08/2005


Nos 420 anos da Capital,

“Não estou inventando nada, mas posso assegurar que há um novo processo em curso para gerir os destinos desta cidade com economia e gestão dos recursos públicos devendo redundar em emprego e renda”- disse o prefeito Ricardo Coutinho, analisando a comemoração dos 420 anos da cidade. Na entrevista ele não quis fazer julgamento da Operação Confraria e disse que, em 2006, na disputa para o Governo quer contribuir com a construção do processo.

No programa de rádio da 100.5 FM produzido pela WSCOM, o prefeito falou sobre a realidade de aperto da prefeitura, em face dos recursos escassos, entretanto, considerou que a economia produzida na renegociação das dividas está gerando condições de projetar inúmeras obras nos próximos tempos.

– Estamos com um elenco de atividades geradas, a partir da economia de recursos, que ainda vai dar muito o que falar porque atende os interesses coletivos da cidade – afirmou.

Confraria– Indagado sobre que julgamento faz da Operação Confraria, ele disse que preferia evitar tal conceituação preferindo esperar o desdobramento do processo, depois da ação da Policia e da Justiça.

– Não quer pre-julgar individualmente ninguém, só espero que se inocente os inocentes e puna-se os culpados – disse.

Sobre a sucessão ao Governo, quando perguntado se apoia o senador José Maranhão, ele afirmou que há um processo em curso há algum tempo, mesmo assim espera poder contribuir mais.

Ricardo Coutinho confirmou que convidou os deputados Manoel Junior e Vital Filho para o PSB. “Eles muito nos honram”,finalizou.

Notícias relacionadas