Noite paraibana na Festa das Neves tem Rock, Forró Pé de Serra, Folclore e Percu - WSCOM

menu

Entretenimento

02/08/2005


Noite paraibana na Festa das

A programação da Festa das Neves na noite desta terça-feira 2 está repleta de artista paraibanos de variados ritmos, as apresentações têm início a partir das 17h, com a Lapinha Nossa Senhora das Neves do bairro de Cruz das Armas se apresentando no adro da Igreja São Francisco.A programação tem ainda Forró Pé de Serra, Rock e Percussão.

A partir das 18h no palco montado na área externa da Casa da Pólvora, tem apresentações dos grupos de rock Cabeça Chata e Projeto 50, este último há quase uma década se destacando no cenário local pela constante pesquisa e busca de uma sonoridade original, que tem como principais influências o rock de garagem, funk, ritmos regionais e blues.

No palco da Socic, no Varadouro, o primeiro show é com Adeildo Vieira, um compositor inquieto como ele próprio se define. “Sou um camarada inquieto que, por não ter domínio nato do instrumento, inventei um jeito de tocar. Como tenho certo domínio rítmico, inventei um jeito de mexer no violão. Na harmonia, sou meio que charlatão, às vezes. Às vezes faço um mesmo acorde em três lugares diferentes do violão. Mas eu estou fazendo a mesma coisa. Eu descobri um jeito de driblar minha incompetência instrumental inventando um jeito de mexer com o violão”, repetiu Adeildo recentemente em uma entrevista concedida ao jornalista Roberto Homem, para o jornal Zona Sul (Natal/RN).

Logo em seguida, o guitarrista Zé Filho, muda a sonoridade da Festa das Neves. É com a guitarra que ele se afirma como um dos mais técnicos e ousados músicos do Estado. O encerramento da noite fica por conta do som dos tambores com o percursionista, intérprete e compositor já bem conhecido do público pessoense, Escurinho.

No Pavilhão das Acácias, localizado ao lado da Basílica, a partir das 21h, o ritmo é forró pé-de-serra com os grupos Forró da Mala e Forrozeiros do Nordeste.

Notícias relacionadas