"Não gostaria que tivesse acontecido", afirma Veneziano ao repudiar agressões de Fábio Tyrone - WSCOM

menu

Política

17/12/2018


“Não gostaria que tivesse acontecido”, afirma Veneziano ao repudiar agressões de Fábio Tyrone

Senador eleito repudiou na manhã desta segunda (17) as agressões feitas pelo prefeito de Sousa, Fábio Tyrone

Na imagem o senador eleito, Veneziano Vital

O senador eleito pelo PSB, Veneziano Vital do Rêgo, em entrevista nesta segunda-feira (17), repudiou a agressão sofrida pela advogada Myriam Gadelha pelo prefeito de Sousa, Fábio Tyrone (PSB).

 

Leia também: Desembargador difere pedido e Fábio Tyrone terá de cumprir medida protetiva de urgência

 

Na oportunidade, Veneziano destacou que é preciso endurecer a legislação para que fatos como esse sejam evitados e medidas concretas tomadas. 

 

“Ao invés de estarmos vendo melhorias nos indicadores, você vê exatamente o inverso, mesmo sabendo que as novas legislações se tornaram mais duras”, disse o senador eleito.

 

Ainda de acordo com o socialista, que repudiou o fato, não é pelo fato de sua situação política – por ser do mesmo partido do prefeito -, que não considera indefensável toda e qualquer ação de violência contra a mulher. Ele citou ainda que é preciso olhar o fato com cuidado e também não tirar o direito de defesa do prefeito Fábio Tyrone. 

 

“Gostaria até que o episódio em si não tivesse acontecido, mas isso não sugere, da minha parte, desconhecer o ato em si, e repudiá-lo veementemente. Isso, claro, sem a perda do direito dele de se defender”, declarou o senador eleito.

 

Da Redação / Portal WSCOM