Moro anuncia general da reserva para ocupar chefia da Secretaria Nacional de Segurança - WSCOM

menu

Política

04/12/2018


Moro anuncia general da reserva para ocupar chefia da Secretaria Nacional de Segurança

General da reserva que foi candidato pelo PSDB ao governo do Ceará

Na imagem, o general da reserva Guilherme Theophilo

O Futuro ministro da Justiça, Sergio Moro, anunciou nesta terça-feira (4) que um general da reserva que foi candidato pelo PSDB ao governo do Ceará vai chefiar a Secretaria Nacional de Segurança Pública. Guilherme Theophilo foi derrotado na última eleição pelo governador do estado, Camilo Santana (PT), que foi reeleito com quase 80% dos votos válidos.

A indicação de Moro atende a expectativa dos militares de um nome do meio para a secretaria, ao mesmo tempo em que é um aceno aos tucanos, bancada com a qual o presidente eleito, Jair Bolsonaro, se reúne nesta quarta-feira (5).

 

Sem mencionar a sigla do PSDB, Moro disse que Theophilo se desfiliou do partido ao qual era ligado, ao anunciar o novo integrante da pasta no CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil), onde funciona o gabinete de transição.

 

“O general foi, como é sabido, candidato nas eleições desse ano, mas ele já se desfiliou do partido político ao qual estava filiado, então não existe nenhuma declaração político-partidária”, defendeu.

 

Moro também confirmou que o delegado da Polícia Federal Luiz Pontel de Souza será o secretário-executivo da pasta. Desde que aceitou o convite para assumir o ministério, Moro cercou-se de delegados da PF para os cargos estratégicos do órgão.

 

“Foi um dos principais responsáveis pela prisão do Alberto Youssef e naquela época já pude constatar a integridade do delegado Pontel”, disse Moro sobre o futuro número 2 de sua pasta. 

Da Redação com informações Folhapress / Portal WSCOM