Ministros discutem fornecimento de energia elétrica pelo Brasil à Argentina - WSCOM

menu

Brasil & Mundo

02/05/2008


Ministros discutem fornecimento de energ

O ministro do Planejamento, Investimentos e Serviços da Argentina, Julio De Vido, está reunido hoje, 2, com o ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, para discutir o fornecimento de energia elétrica do Brasil ao país vizinho.

Antes do encontro, De Vido disse que o montante de energia a ser negociado vai depender do rigor do inverno em seu país. “Depende muito dos picos de temperatura no inverno. No ano passado, foi o inverno mais cruel e foram incorporados quase mil megawatts”, afirmou

Segundo o ministro argentino, a idéia é que o Brasil forneça energia ao país durante o inverno e a Argentina devolva essa energia durante a primavera.

O assessor da Presidência da República para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia, que também participa do encontro, afirmou que o fornecimento de energia para a Argentina não será usado como moeda de troca nas negociações sobre a importação de trigo pelo Brasil.

“São coisas que estão sendo encaminhadas cada uma de sua parte. As negociações do trigo também estão caminhando de forma adequada e as relações entre a Argentina e o Brasil estão muito boas”, disse Garcia.

Segundo ele, a energia cedida à Argentina virá de térmicas a gás ou de hidrelétricas, com exceção da Usina de Itaipu, que só pode fornecer energia para o Brasil e para o Paraguai.

Notícias relacionadas