Mercedes espera mais um fim de semana difícil - WSCOM

menu

Automobilismo

13/04/2011


Fim de semana dificil na China

Mercedes

Foto: autor desconhecido.

O heptacampeão Michael Schumacher admite que ele e a Mercedes vão com baixas expectativas para o GP da China, neste domingo (17), em Xangai.

Para o alemão, já será um bom negócio se ele terminar a corrida numa posição melhor que o nono lugar conquistado no último domingo (10), no GP da Malásia.

– Sabemos que temos pouco tempo para evoluir depois da corrida na Malásia, mas estamos aprendendo com toda volta que corremos. Então, estamos indo para a China com a mente aberta e com muita ambição de conseguir melhores resultados do que nas corridas de abertura.

Schumacher abandonou a primeira prova do ano, na Austrália, assim como seu companheiro, Nico Rosberg, que na Malásia foi apenas o 12º colocado.

O diretor esportivo da Mercedes, Norbert Haug, acredita que os pilotos enfrentarão na China as mesmas dificuldades que tiveram na Malásia.

– Esperamos um final de semana difícil e desafiador para a nossa equipe, como tivemos na Malásia, onde um final na parte baixa da zona de pontuação foi o melhor resultado que conseguimos.

O chefe de equipe, Ross Brawn, prefere pensar já na corrida seguinte, o GP da Turquia, em 8 de maio, que abre uma série de três corridas seguidas na Europa.

– O trabalho duro irá continuar na fábrica enquanto estivermos em Xangai para garantir que estaremos em uma boa posição para o começo da temporada europeia.

Notícias relacionadas