Menor revela detalhes de acidente que matou jovem na Av. Epitácio Pessoa - WSCOM

menu

Policial

25/10/2018


Menor revela detalhes de acidente que matou jovem na Av. Epitácio Pessoa

Foto: autor desconhecido.

O adolescente de 17 anos, envolvido no acidente ocorrido na última segunda-feira (22), que terminou com uma morte e três feridos, em João Pessoa, foi ouvido na tarde dessa quarta-feira (24), pela Polícia Civil.

Apesar de não ter carteira de motorista, o menor confirmou que estava conduzindo o veículo e ainda acrescentou que havia ingerido bebida alcoólica. Ele transportava sete pessoas no carro e trafegava em excesso de velocidade. A delegada responsável pelo inquérito irá pedir a internação do adolescente, que pode ficar até três anos em uma unidade de reeducação social.

O caso está sendo investigado pela Delegacia da Infância e Juventude. Segundo a delegada Cláudia Germana, as provas coletadas pela polícia já mostram que o adolescente praticou ato infracional.

“Ele adotou condutas perigosas e assumiu os riscos de causar o resultado morte. No momento que ele, menor de idade, estava dirigindo sem carteira de motorista e passa a conduzir um veículo, após ingerir bebida alcoólica, trafegar a 110 quilômetros por hora, numa via onde o máximo permitido é 50 km por hora e ainda coloca pessoas dentro de um carro, ele agiu com dolo eventual e assumiu o risco de causar o resultado morte”, afirmou a delegada. “Com base nisso, iremos concluir ainda algumas oitivas e perícias e em seguida representar junto ao Ministério Público pelo pedido de internação do adolescente”, acrescentou.

O menor ainda afirmou para a delegada que comprou o veículo pelo valor de R$ 8.500 na feira do bairro de Oitizeiro, em João Pessoa, em junho deste ano. Segundo a delegada, o adolescente usou o carro para participar de uma festa em uma casa de eventos, no bairro de Mandacaru.

“Por volta da meia-noite da segunda-feira, ele resolveu sair da festa de Mandacaru e ir para um bar, no Cabo Branco. E ao passar pela Avenida Epitácio Pessoa, ele foi desviado por outro veiculo, o que fez o carro colidir com um poste, sendo jogado para outro lado. O carro rodou na pista, a porta de trás se abriu e a vítima Daniele foi jogada para fora, morrendo na hora”, completou a delegada.

O carro envolvido no acidente foi apreendido pela polícia e passará por perícias. O veiculo ainda se encontra financiado em nome de outra pessoa. A delegada irá apurar se o antigo dono do carro vendeu o carro ao menor, mesmo sabendo que ele se tratava de um adolescente. “Se for comprovado que o antigo dono sabia que o comprador era um adolescente, essa pessoa também poderá ser responsabilizada”, destacou Claudia Germana.