Manchester vence de novo e avança às semifinais - WSCOM

menu

Futebol

12/04/2011


Manchester vence Chelsea e avança

Liga

Foto: autor desconhecido.

Depois de perder a primeira partida, em casa, por 1 a 0, o Chelsea precisava vencer o Manchester United por dois gols de diferença para seguir na Liga dos Campeões da Uefa, mas acabou sendo derrotado novamente, desta vez por 2 a 1, e deu adeus ao sonho de conquistar o inédito título europeu.

Precisando marcar fora de casa a qualquer custo, os Blues começaram pressionando, assim como os Red Devils. Durante os primeiros 30 minutos, a bola praticamente não parou de rolar, e foram sete finalizações.

Sem parecer querer encerrar seu jejum de gols, Fernando Torres fez uma péssima partida. O espanhol passou o primeiro tempo perdido em campo, deixando o Chelsea praticamente com um homem a menos. Em compensação, Anelka era o responsável pelas melhores jogadas do time visitante. Na mais perigosa delas, o francês arrancou e tentou passar por Van der Sar, mas acabou sendo desarmado pelo goleiro holandês fora da área.

A cada jogada de ataque do Chelsea, o Manchester respondia com um contra-ataque à altura. Chicharito Hernández ainda teve um gol anulado por impedimento antes de abrir o placar para o United, aos 43 minutos, completando com o pé esquerdo cruzamento na medida de Giggs.

Precisando de dois gols para garantir a classificação, o técnico Carlo Ancelotti sacou o apático Torres para colocar Drogba em campo no intervalo. A alteração melhorou a movimentação do Chelsea em campo, mas o ataque visitante continuou ineficiente.

A expulsão de Ramires aos 24 minutos da segunda etapa, depois de receber o segundo cartão amarelo, complicou ainda mais a difícil missão dos Blues. Com um homem a menos e em desvantagem no placar, o Chelsea partiu para o tudo ou nada.

Drogba, que saiu do banco para se tornar o melhor jogador do Chelsea na partida, igualou o marcador aos 32 minutos, depois de matar no peito um lançamento perfeito, girar e finalizar forte, sem chances para Van der Sar. No entanto, mal acabou a comemoração do time visitante, Park recebeu passe preciso de Giggs em jogada rápida do United e recolocou os Reds Devils em vantagem menos de um minuto depois do gol do marfinense.

No único confronto teoricamente ainda em aberto, depois das goleadas de Schalke, Real Madrid e Barcelona sobre, respectivamente, Inter de Milão, Tottenham e Shakhtar Donetsk, o Manchester United conseguiu superar mais uma vez o rival Chelsea e está garantido nas semifinais da Liga dos Campeões 2010/2011.

FICHA TÉCNICA:

MANCHESTER UNITED 2 X 1 CHELSEA

Estádio: Old Trafford, Manchester (ING)
Data/hora: 12/4/2011 – 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Olegário Benquerença (POR)
Cartões amarelos: O´Shea, Evra (MAN); Ramires, Malouda, Terry (CHE)
Cartões vermelhos: Ramires, 24’/2ºT (CHE)
GOLS: Chicharito Hernández, 43’/1ºT (1-0); Drogba, 32’/2°T (1-1); Park, 32’/2°T (2-1).

MANCHESTER UNITED: Van der Sar, O´Shea, Ferdinand, Vidic e Evra; Nani (Valencia, 30’/2°T), Carrick, Giggs e Park; Rooney e Chicharito Hernández. Técnico: Alex Ferguson.

CHELSEA: Cech, Ivanovic, Alex (Paulo Ferreira, 36’/2°T), Terry e Ashley Cole; Ramires, Essien e Lampard; Anelka (Kalou, 15’/2°T), Torres (Drogba, no intervalo) e Malouda. Técnico: Carlo Ancelotti.

Notícias relacionadas