Mais um ouro para o Brasil: Saretta vence García e repete Meligeni - WSCOM

menu

Mais Esporte

29/07/2007


Mais um ouro para o

O paulista Flávio Saretta venceu o chileno Adrian García por 2 sets a 1 (6/3, 4/6 e 7/6, sendo 7 a 2 no tie-break) na tarde deste domingo e se sagrou campeão pan-americano de tênis, repetindo o feito de Fernando Meligeni nos Jogos de Santo Domingo, em 2003.

O ouro de Saretta é a única medalha conquistada pelo tênis brasileiro no Rio. Ao lado de Marcos Daniel, ele foi eliminado nas quartas-de-final do torneio de duplas. Na disputa feminina, as brasileiras também passaram em branco, tanto no individual quanto nas duplas.

O jogo foi extremamente disputado, tenso e cheio de quebras. Garcia começou melhor e quebrou o saque de Saretta logo no primeiro game. O brasileiro, no entanto, não demorou a reagir. Devolveu a quebra no quarto game e, com uma quebra no sexto, abriu 4 a 2. A partir daí, foi só confirmar os dois saques seguinte e fechar o primeiro set em 6/3.

Na segunda parcial, o chileno saiu na frente novamente ao salvar dois break points de Saretta no primeiro game e conseguir uma quebra no segundo. O brasileiro devolveu a quebra no terceiro e também no quinto game, virando para 3 a 2. Mas Garcia não se entregava e quebrou o rival na seqüência, deixando tudo igual. Depois, empatou a partida ao quebrar novamente no 10º.

Saretta voltou mais aceso e obteve uma quebra logo de cara, mas permitiu que o chileno devolvesse já no segundo game. A situação ficou complicada quando Garcia quebrou o saque do brasileiro no quarto game e abriu 3 a 1. Mas Saretta descontou na seqüência e depois confirmou seu saque para empatar em 3 a 3.

No oitavo game, o brasileiro chegou a salvar dois break points, mas o chileno conseguiu uma nova quebra e abriu 5 a 3. Saretta, porém, salvou dois match points no game seguinte e diminuiu a diferença. Ao confirmar o seu saque, o tenista da casa deixou tudo igual em 5 a 5. Mais duas confirmações de cada lado e o duelo foi para o tie-break.

O brasileiro saiu na frente em um erro não-forçado do rival e abriu 2 a 0 após outra bola fora do chileno, desta vez ao subir à rede e tentar buscar a linha lateral. Em outro erro não-forçado do chileno, Saretta fez 3 a 0. Garcia ainda marcou um ponto, mas perdeu os dois seguintes (5-1).

Nervoso, o chileno cometeu mais uma falha após longa troca de bola no fundo de quadra e deu cinco match points ao tenista. Garcia ainda salvou um, mas cometeu uma dupla falta e permitiu a vitória brasileira por 7-2.

Inicialmente, a partida seria disputada no sábado, mas as constantes chuvas danificaram as quadras do Clube Marapendi e fizeram com que o jogo se realizasse neste domingo numa quadra coberta, localizada no Recreio dos Bandeirantes.

O Pan ainda não terminou para García, que volta à quadra ao lado do compatriota Jorge Aguilar para tentar o ouro nas duplas contra os argentinos Eduardo Schwank e Horacio Zeballos.

Notícias relacionadas