Lutador condenado por matar a esposa e simular suicídio da vítima é preso - WSCOM

menu

Policial

26/04/2017


Preso lutador condenado por matar esposa

EM CAMPINA GRANDE

Foto: autor desconhecido.

A Polícia Civil da Paraíba, por meio do trabalho da Delegacia de Crimes contra a Pessoa (Homicídios) de Campina Grande, prendeu nessa terça-feira (25), por força de mandado de condenação definitiva, o lutador Thiago Pereira Fernandes, 30 anos. Após o julgamento, ele foi considerado o autor do homicídio da própria esposa, no ano de 2012.

Preso em flagrante após o crime cometido no dia 12 de janeiro de 2012, Thiago foi condenado pelo Tribunal do Júri de Campina Grande a 17 anos de prisão por homicídio qualificado. O Tribunal de Justiça manteve a condenação, em decisão unânime, com mandado expedido no dia 7 de abril e cumprido pela equipe da Homicídios.

De acordo com as investigações, Thiago Pereira Fernandes praticou o assassinato de Gabryelle Farias Alves, de 21 anos, por asfixia, com posterior simulação de um suicídio por enforcamento. O crime foi elucidado pela Polícia Civil, que divulgou as provas no inquérito policial.

Notícias relacionadas