Lula diz que pobres, pela primeira vez, têm perspectiva de ganho real na renda - WSCOM

menu

Brasil & Mundo

23/08/2005


Lula diz que pobres, pela

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou hoje (23) que, pela primeira vez, a população pobre do país vive um momento de “ver este país crescer de forma sustentável, com a inflação baixa”.

“Esse trabalhador está tendo perspectiva de ter um ganho real na sua renda mensal e de poder participar, com muito mais força, da política e do mercado de consumo deste país”, disse ele na inauguração da linha de transmissão em Cuiabá (MT).

Lula afirmou que os mais pobres foram os mais prejudicados com as “brincadeiras” na economia feitas pelas gestões anteriores. “Toda vez que se brincou com a economia neste país, por causa da proximidade eleitoral, o resultado negativo ficou para a parte pobre da população”.

O presidente destacou o crescimento das exportações do país de R$ 60 bilhões para R$ 110 bilhões, mesmo com as críticas à política de câmbio. A expectativa, segundo ele, é que as exportações cheguem a R$ 120 bilhões no final do primeiro semestre de 2006. “Estamos provando que é possível crescer o mercado interno, que é possível crescer o mercado externo, e que é possível ainda conter a inflação no mais baixo patamar dos últimos anos”.

Lula voltou a afirmar que todas as denúncias de corrupção vão ser investigadas. “Todo mundo sabe que essas coisas que são feitas com seriedade são mais demoradas. Muitas vezes quando se faz apenas um carnaval, se faz muito barulho e a conclusão verdadeira demora muito para aparecer ou às vezes nem aparece”.

Notícias relacionadas