Líder do prefeito admite crise entre membros da bancada por conta da disputa de - WSCOM

menu

Política

16/08/2005


Líder do prefeito admite crise

O líder do prefeito Ricardo Coutinho na Câmara de Vereadores, Luciano Cartaxo (PT), admitiu hoje no programa Abra o Jogo que existe uma crise entre os membros da bancada aliada. O pivô é a eleição 2006, que será disputada pela maioria dos aliados.

Estão com candidaturas engatilhadas os vereadores Aníbal Marcolino, Nadja Palitot, Fuba, Alexandre Urquiza e o próprio Cartaxo. O líder revelou, porém, que o prefeito Ricardo Coutinho já descartou a possibilidade de promover apoios privilegiados.

‘Temos que deixar a disputa eleitoral para o próximo ano’, defendeu Cartaxo. ‘Agora a meta é trabalhar com unidade e seguir ajudando o prefeito a aprovar seus projetos’.

Vetos – O líder disse ainda que os projetos vetados pelo prefeito Ricardo Coutinho devem entrar na pauta da Câmara na próxima quinta-feira. O presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Pedro Alberto Coutinho (PTB), está problemas de saúde e não comandou a reunião da CCJ para analisar os projetos.

Notícias relacionadas