Justiça suspende eleição de Geusa como presidente da Câmara de Cabedelo - WSCOM

menu

Política

03/12/2018


Justiça suspende eleição de Geusa como presidente da Câmara de Cabedelo

Foto: autor desconhecido.

A juíza Teresa Cristina de Lyra Pereira Veloso suspendeu, nesta segunda-feira (3), a eleição da vereadora Geusa Ribeiro (PRP), como presidente da Câmara Municipal de Cabedelo, assim como do restante da Mesa Diretora. Ela havia sido eleita na última semana e assumiria a prefeitura do município em janeiro de 2019 em substituição ao último presidente eleito na casa, Vitor Hugo.

“É inegável, portanto, que uma nova mudança na gestão em tão curto espaço e por força de uma votação feita sem a necessária clareza e cuja justificativa não foi exposta, inclusive em relação ao até então Prefeito, elogiado durante grande parte da Sessão, somente mais instabilidade vai trazer para a população às voltas com uma próxima eleição”, diz trecho da decisão da juíza Teresa Cristina.

A partir da notificação da decisão, a vereadora Geusa terá 10 dias para apresentar sua defesa no caso. A eleição de Geusa na Câmara foi contestada pelo prefeito Vitor Hugo e por vários vereadores, que apontaram ilegalidade da mesma.

A ação que culminou na liminar concedida pela juíza é de autoria dos vereadores Benone Bernardo Da Silva, Valdisilva Moreira, Evilasio Cavalcanti Neto, Divino Francisco Felizardo, José Francisco Pereira, Jonas Pequeno Dos Santos, Maria Do Socorro  Omes, Maria Das Graças Carlos Rezende e Reinaldo Barbosa De Lima.

Por Redação / Portal WSCOM