Juíza atende delegado e decreta prisão dos envolvidos na “Operação Playboy” - WSCOM

menu

Policial

26/04/2011


Playboy: juíza decreta prisão preventiva

Perdeu de novo

Foto: autor desconhecido.

{arquivo}A juíza da 1ª Vara Criminal da comarca de Cabedelo, Adriana Barreto Lossio de Sousa, decretou a prisão preventiva dos dez acusados de envolvimento na “Operação Playboy” desencadeada pela Polícia Civil da Paraíba que culminou com a descoberta de compra de veículos e aparelhos eletrônicos com cartões de crédito clonados.

A determinação judicial foi em atendimento ao pedido do delegado Jean Francisco, do Grupo de Operações Especiais (GOE) que presidiu o inquérito. Dos dez envolvidos sete estão presos, sendo seis no presídio do Roger e um no quartel do 1º Batalhão da Polícia Militar, por se tratar de membro da Corporação.

No Presídio do Roger estão Anderson Soares de Araújo, Gustavo Henrique Feijó Pessoa (31), André Cruz de Sousa Leão (31), Klício Rodolff Ferreira da Silva (26), José Nilson Dantas Júnior (29) e Felipe Brito Germoclio (32). No quartel do 1º BPM, em João Pessoa, está preso o soldado Rafael Paez de Siqueira Andrade apontado de ser um dos principais articuladores do esquema de clonagem de cartões de crédito.

A decretação da prisão preventiva dos acusados foi considerada pelo delegado Jean Francisco como de fundamental importância, pois já estava acabando o prazo da prisão temporária. “Agora falta prender outros três envolvidos”, disse o delegado que não quis revelar suas identidades para não atrapalhar as investigações.

Enquanto isso para o Instituto de Polícia Científica foi encaminhados os quatro computadores apreendidos durante a Operação “Playboy” para serem periciados. Segundo o delegado do GOE nos equipamentos devem estar armazenados importantes informações que podem levar a prisão de mais envolvidos e revelar mais dados.

A Operação “Playboy” foi desencadeada no dia 13 desse mês pelo Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil em parceria com a Polícia Rodoviária Federal e o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Púbico Estadual.
 

 

Notícias relacionadas