Juiz Marcos Jatobá apreende criança raptada por Sem-Terra em Juarez Távora - WSCOM

menu

Paraíba

25/08/2005


Juiz Marcos Jatobá apreende criança

O atendimento da Justiça Itinerante só termina suas atividades em Juarez Távora na tarde desta sexta-feira, mas até o começo da noite de ontem o juiz Marcos Jatobá Filho já havia realizado cerca de 180 audiências, assinado 185 sentenças e expedido liminar determinando busca e apreensão de uma criança de um ano e quatro meses que havia sido raptada e se encontrava num acampamento de Sem-Terra, em Caaporã.

O autor do rapto da criança foi o sem-terra Agnaldo Francisco da Silva e a decisão do magistrado partiu de uma denúncia feita pelo pai da criança, Arnaldo Cícero do Nascimento, que já está novamente de posse da filha.

“A procura da população tem sido muito grande, por essa razão considero a passagem do Justiça Cidadã por Juarez Távora como muito positiva”, afirmou o juiz coordenador Marcos Jatobá Filho, que às 10 horas comanda um casamento coletivo envolvendo 65 casais.

O encerramento das atividades do Justiça Itinerante em Juarez Távora contará com a presença do juiz Leôncio Teixeira Câmara que, na ocasião, estará representando o presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargador Júlio Aurélio Moreira Coutinho.

Marcos Jatobá informou que o TRE, a Defensoria Pública e outros órgãos trabalham paralelamente atendendo à comunidade e que na próxima segunda-feira o Justiça Itinerante estará atendendo a comunidade de Cacimba de Dentro, município que faz parte da Comarca de Araruna.

Notícias relacionadas