João Azevêdo abre Seminário Paraibano do Artesanato em João Pessoa - WSCOM

menu

Política

20/03/2019


João Azevêdo abre Seminário Paraibano do Artesanato em João Pessoa

Foto: autor desconhecido.

O governador João Azevêdo abriu, nesta quarta-feira (20), no auditório do Shopping Sebrae, em João Pessoa, o Seminário Paraibano do Artesanato. O evento, que também será realizado nesta quinta-feira (21), em Campina Grande, e na sexta-feira (22), em Patos, tem o objetivo de retomar as atividades de capacitação do programa, oferecendo aos artesãos a oportunidade de inovar e empreender. Os deputados estaduais João Gonçalves e Branco Mendes, além de auxiliares da gestão estadual estiveram presentes.

O seminário é uma realização do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP) com a parceria do Sebrae Paraíba, da Federação dos Artesãos da Paraíba (Fasart), do Centro de Apoio à Criança e ao Adolescente (Cendac), da empresa Net Eventos e Montagens, da empresa Anno Domini Consultoria e Treinamento e da Prefeitura Municipal de Patos.

 

Seminário permite a troca de experiências

Na ocasião, o governador João Azevêdo afirmou que o seminário permite a troca de experiências e orienta os artesãos para a produção e comercialização de produtos. “Um marco como esse voltado para capacitar o artesão é fundamental para o crescimento do segmento. A economia criativa no Brasil se torna um ponto fundamental para geração de emprego e renda porque as relações trabalhistas serão diferentes; nesse sentido, o empreendedorismo e a produção serão muito importantes para a sobrevivência das pessoas”, observou.

O chefe do Executivo estadual também destacou que o evento de hoje é importante para preparar os artesãos paraibanos para o grande Salão de Artesanato que ocorrerá em Campina Grande no mês de junho. “O local já está sendo organizado para que a gente tenha uma grande feira e possamos fazer com que o artesanato da Paraíba retome o seu lugar de honra no Brasil”, ressaltou.

A primeira-dama e presidente de honra do PAP, Ana Maria Sales Lins, disse que se sente feliz de poder ajudar e participar do Programa de Artesanato, que tem a missão de apoiar e incentivar a atividade no Estado. “A Paraíba tem o mais belo e rico artesanato do Brasil e nós temos o objetivo de dar um salto qualitativo para fazer crescer ainda mais o nosso artesanato. Podemos alcançar melhores índices de produtividade e de comercialização, aumentando a rentabilidade de cada artesão. Aproveito para homenagear e reconhecer o trabalho do artesão que teve seu dia comemorado ontem, 19 de março”, declarou.

O secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Gustavo Feliciano, disse que o encontro aproxima a gestão do artesão. “O Programa de Artesanato da Paraíba é muito dinâmico, vai além do Salão de Artesanato e visa fomentar as ações de uma maneira geral. Eventos como esse permitem que o artesão tenha uma nova visão de mercado e de empreendedorismo”, pontuou. 

A gestora do PAP, Marielza Rodriguez, destacou que a realização do primeiro evento da gestão de João Azevêdo voltado para o artesão reforça o compromisso com o segmento. “Nós estamos mostrando ao artesão as novas diretrizes e estratégias para o artesanato paraibano nos próximos quatro anos. Nesse evento também vamos retomar o Departamento de Capacitação do Programa do Artesanato nessa constante preocupação de que o artesão deve estar capacitado, orientado e informado sobre tudo que está acontecendo no Brasil e no mundo para ter mais sucesso em seu negócio”, disse. 

O superintendente do Sebrae, Walter Aguiar, elogiou o Governo da Paraíba.  “A realização desse seminário aprofunda algumas questões no sentido de ter um olhar para o período de transformação digital e o artesanato também se encaixa nesse processo. A atividade está dentro da economia criativa que só é válida se tiver sustentabilidade”, completou. 

A presidente da Federação das Associações e Cooperativas dos Artesãos da Paraíba (Fasart), Miriam Rodrigues, parabenizou o Programa de Artesanato da Paraíba e falou que o momento é de “trabalho conjunto para o fortalecimento da atividade no Estado”.

A artesã Maria Josilene Bernardo enalteceu a inciativa do Governo de oferecer espaços para qualificação do setor. “Esse seminário é muito importante para todos os artesãos. O tempo passa e surgem novas ideias, novos contatos e nós estamos tendo a oportunidade de nos reciclar. O artesão precisa se valorizar como artista e as novas tecnologias possibilitam vendas para todos os lugares do mundo. Esse é um dia único e vale a pena participar de seminários como esse”, comentou.

Programa

O Programa de Artesanato da Paraíba, da Secretaria de Estado do Turismo e do Desenvolvimento Econômico (Setde), tem por missão promover o desenvolvimento sustentável da cadeia produtiva do artesanato com ligação direta com a economia criativa e o turismo, preservando a cultura do Estado e estimulando o empreendedorismo do artesão.

Portal WSCOM