Irmão de Burity diz que apóia Cássio porque foi hostilizado por 'maranhistas' - WSCOM

menu

Política

19/06/2006


Irmão de Burity diz que

O prefeito da cidade de Ingá e irmão do ex-governador Tarcísio Burity, Antônio Miranda Burity (PP), defende que já não havia mais condições de continuar apoiando a candidatura de José Maranhão (PMDB) ao governo do Estado. O principal motivo é que o senador estaria apoiando um grupo que ‘hostilizou’ Miranda durante o último pleito.

“Apoio a casa. Eu sou do PP, que fez coligação com o PSDB, além do mais não havia razão de continuar apoiando Maranhão, pois ele apoiou um grupo no Ingá que me é meu grupo opositor. Esse grupo, apoiado por ele, estava me hostilizando”, denuncia. Segundo o prefeito, esse grupo seria capitaneado pelo deputado Tião Gomes.

Miranda diz que diante desse quadro preferiu liberar os eleitores, que achavam que o melhor caminho era apoiar o governador Cássio Cunha Lima. “Por que apoiamos? Por que ele vem prestando excelentes serviços para o Ingá desde o início de sua gestão e não há razão nenhuma para deixar de votar naquele que trabalha, para votar naquele que não está trabalhando e que não trabalhou”, justifica.