Infeliz com reserva, He-Man não pensa em deixar o Flu - WSCOM

menu

Futebol

13/04/2011


He-Man está insatisfeito com a reserva

Fluminense

Foto: autor desconhecido.

Vice artilheiro do Fluminense na temporada, com sete gols, o atacante Rafael Moura admitiu insatisfação com as poucas oportunidades recebidas nos últimos jogos. Desde que o atacante Fred se recuperou de lesão, há quase um mês, foi titular em apenas uma partida, e não marcou nenhum gol.

Mesmo com o desabafo, o He-Man diz que não quer fazer lobby em causa própria e promete resolver o descontentamento ‘dentro do vestiário’.

– Primeiro, já falei sobre minha insatisfação, mas pelo meu nível de competitividade, ninguém gostaria de ficar de fora. Mas não adianta me queixar, tenho que treinar mais e resolver no vestiário com quem tem que resolver – afirmou.

Desde que Enderson Moreira assumiu o comando interino do clube, Rafael Moura tem sido o menos acionado entre os quatro principais atacantes do grupo (Araújo, Emerson, Fred e o próprio He-Man). Ele, porém, garante que a concorrência não interfere na relação com os companheiros fora de campo.

– O grupo está muito bem servido. Mas minha insatisfação não pode se tornar revolta. Eu não tenho esse perfil. Não faço disse-me-disse. Deixo claro: nós quatro somos amigos que nos respeitamos bastante. Uma hora, joga dois ou um. O Emerson e o Fred são titulares e fizeram por merecer pelo histórico deles na profissão – disse He-Man, que também refutou os boatos sobre sua saída das Laranjeiras.

– Acabei de chegar. Tenho três anos de contrato, um contrato muito bom. Não tenho ninguém autorizado a falar por mim nem a negociar com outro clube. Quero ficar aqui. Tenho certeza de que o atual campeão brasileiro tem muita coisa pela frente, apesar de algumas turbulências – completou.

Notícias relacionadas