Incêndio atinge Escola Especial de Patos - WSCOM

menu

Paraíba

07/03/2006


Incêndio atinge Escola Especial de

Um incêndio atingiu a Escola Especial Irmã Benigna de Patos, por volta das 16h desta última segunda-feira, 6, onde cerca de 150 alunos especiais, auditivos, visuais e físicos estudam. O incêndio foi provocado por problemas na rede elétrica e causou a perda total de uma cabine de audiometria, além de diversos materiais de expediente.

Cerca de vinte alunos ainda estudavam no momento do incêndio, porém todos estavam no bloco vizinho e ninguém se feriu.

O fogo teve início após uma forte explosão ocorrida na sala de audiometria. Uma viatura do Corpo de Bombeiros chegou cerca de vinte minutos depois e teve trabalho para apagar o fogo.

As paredes do local atingido ficaram rachadas e ameaçam ruir. As chamas atingiram apenas uma sala que foi lacrada pelos Bombeiros e só será liberada para sua devida recuperação após a perícia.

O equipamento de audiometria, bastante caro, servia para medir o grau de surdez de quem procurava a Irmã Benigna.

Logo que soube do incêndio o secretário de Educação de Patos, José Mota Victor, foi até o local saber maiores detalhes do ocorrido. Ele comunicou o fato ao prefeito Nabor Wanderley, que determinou que assim que o Corpo de Bombeiros termine seu trabalho, todas as providências sejam tomadas para que a unidade de ensino tenha seu funcionamento normalizado.

“Essa escola é de suma importância na vida desses alunos especiais, que precisam muito dela para seu desenvolvimento”, comentou Mota.

Notícias relacionadas