Homens presos por suspeita de explosão de carro-forte na BR-230 irão a presídio - WSCOM

menu

Policial

07/08/2018


Homens presos por suspeita de explosão de carro-forte na BR-230 irão a presídio

Foto: autor desconhecido.

O juiz Adilson Fabrício Gomes confirmou a prisão dos quatro homens suspeitos de explodir um carro-forte na BR-230, nesta segunda-feira (7).  Eles irão para um presídio da capital após a audiência de custódia, realizada na tarde desta terça-feira.

Os presos  foram identificados como Livaci Muniz da Silva ( mais conhecido como Galeguinho), de 34 anos; Romário Gomes Silveira, de 29 anos; Antonio Arcênio de Andrade Neto, de 28 anos; e Vanilson Pereira de Macedo, de 32 anos. Eles já foram autuados em flagrante e permancerão custodiados na sede do GOE, no Centro de João Pessoa, até serem encaminhados para audiência de custódia, onde serão ouvidos pelo juiz.

Segundo a delegada do GOE, Karina Alencar, todos os presos são naturais da Paraíba. Ela acrescentou que os presos fazem parte de uma quadrilha que já vem sendo investigada por polícias de vários estados e a Polícia Federal, por prática de roubos a carros-forte.

Os presos já possuem ficha criminal, e um deles tem quatro mandados de prisão em aberto expedidos por justiças estaduais das regiões Sul e Sudeste do país. Ainda há registros de atuação da quadrilha nos estados vizinhos de Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte. Os quatro presos são naturais das cidades paraibanas de Pombal, Bom Sucesso e Campina Grande.

Da Redação

Notícias relacionadas