Hamilton comanda dobradinha da Mercedes no 2º treino livre para o GP da Rússia - WSCOM

menu

Mais Esporte

28/09/2018


Hamilton comanda dobradinha da Mercedes no 2º treino livre para o GP da Rússia

Foto: autor desconhecido.

Em uma sessão tranquila e sem incidentes, Lewis Hamilton foi o mais veloz para comandar a dobradinha da Mercedes no segundo treino livre do GP da Rússia, na manhã desta sexta-feira, com 1m33s385. Em segundo, Valtteri Bottas ficou a 0s199 do companheiro de equipes. A RBR, com Max Verstappen e Daniel Ricciardo, e a Ferrari, com Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen, completaram o top 6 no Circuito de Sochi. Com a evolução dos carros deste ano, o tempo de Hamilton ficou muito próximo da marca da pole de 2017, de Vettel, com 1m33s194.

Diferentemente do primeiro treino, quando não usou os pneus hipermacios e viu a Ferrari liderar, na segunda etapa a Mercedes calçou os compostos mais moles do fim de semana para anotar a melhor marca da sexta-feira. O tempo de Hamilton também colocou a equipe alemã a 0s5 do melhor carro da rival italiana.

Enquanto a todos dos ponteiros do top 6 fizeram simulação de corrida com a combinação de pneus hiper x ultra, Kimi Raikkonen foi o único a quebrar a corrente e testar o desempenho dos compostos macios.

Apesar da boa colocação dos pilotos da RBR, eles terão de trabalhar duro na corrida deste domingo para terminar em boas colocações. Isso porque terão de trocar componentes do motor Renault, o que acarretará em punições, forçando a dupla a largar do fim do grid.

Motor Mercedes falou mais alto

Apesar da sequência de curvas de 90º, o Circuito de Sochi tem duas longas retas que privilegiam os carros equipados com um motor potente. No segundo treino livre, vantagem da Mercedes, que se destacou na aferição de velocidade máxima do radar.