Governo não tem credibilidade para migrar PF para novo ministério, diz delegado - WSCOM

menu

Política

18/02/2018


Governo não tem credibilidade para migrar PF para novo ministério, diz delegado

O fato de o ministério recém-anunciado ser extraordinário, com prazo de validade definido, também foi criticado pelo dirigente sindical, que é delegado da PF. “Acho muito temerário”, disse

Foto: autor desconhecido.

A possível transferência da Polícia Federal da esfera do Ministério da Justiça para o anunciado Ministério da Segurança Pública foi criticada pela Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal.

O presidente da ADPF, Edvandir Paiva, disse que a nova estrutura administrativa “parece ser uma daquelas medidas criadas para passar à sociedade a ideia de que algo está sendo feito”. “Não sei se é só marketing, mas a PF não pode fazer parte de marketing. A princípio, não nos agrada”, disse ele ao UOL.

O presidente da ADPF também disse que a Polícia Federal é um órgão permanente, expressamente previsto na Constituição Federal de 1988. “É complicado ficar passando a PF de um ministério para o outro. A PF tem reflexo na segurança pública, mas vai além.”

“O governo está em crise há muito tempo. A gente vive um momento até de expectativa porque teremos eleições e um novo governo… e aí vem mexer com a Polícia Federal. (O governo) não está em condições de (ter) apoio e credibilidade para fazer mudanças desse naipe”, disse Paiva.

O fato de o ministério recém-anunciado ser extraordinário, com prazo de validade definido, também foi criticado pelo dirigente sindical, que é delegado da PF. “Acho muito temerário”, disse.

“Preferiríamos que o governo estivesse anunciando medidas de fortalecimento da PF. Não vi nenhuma nesse momento, muito pelo contrário”, afirmou.