Gladiador e sonhador: Kleber pensa até na presidência do Palmeiras - WSCOM

menu

Futebol

30/04/2011


Kleber pensa na presidência do Verdão

SONHADOR

Foto: autor desconhecido.

As boas atuações recentes fazem o atacante Kleber sonhar. Com 13 gols na temporada pelo Palmeiras, o Gladiador, mesmo em seu inconsciente, já imagina uma história muito mais longa do que se poderia pensar no clube. Nas suas noites de sono, Kleber não sonha apenas com gols e belas jogadas às vésperas do clássico contra o Corinthians, domingo, às 16h, no Pacaembu, pela semifinal do Campeonato Paulista. Ele já se vê até no cargo que hoje pertence a Arnaldo Tirone (assista ao vídeo).

– Não tenho sonhado muito com gols. Sabe o que eu sonhei essa semana? Que eu ia ser o presidente do Palmeiras – disse Kleber, rindo.

– Mas eu não sonho com jogadas. Ultimamente eu tenho mais pesadelo do que sonho – emendou o Gladiador, brincando.

Para o dérbi de domingo, não há muitos sonhos. Kleber quer apenas ajudar sua equipe a se classificar para a decisão – se possível, com um golzinho para aumentar sua conta na temporada.

– Sempre tem um gosto especial fazer gols. Todos os jogos têm um gosto legal, um gosto bom. Mas agora é um clássico, a gente sabe da importância, não só por ser o Corinthians. Se não vencermos, estaremos fora. Não tem vantagem de resultados. Por tudo isso, pela importância, se torna mais especial fazer um gol nesse clássico – ressaltou o atacante.

Não sonho com jogadas. Ultimamente tenho mais pesadelo"

Kleber

Gols, presidência, títulos… Não são apenas estes os sonhos de Kleber. Outro desejo é a Seleção Brasileira, que ocupa boa parte dos pensamentos do atacante. Com a proximidade de Mano Menezes, que está em São Paulo e deve assistir a São Paulo x Santos, o Gladiador quer mostrar serviço para, se possível, figurar até na lista dos convocados para a Copa América, em junho, na Argentina.

– É um sonho. Eu não fico alimentando isso na minha cabeça, não fico porque se não vier a gente fica decepcionado. Eu fico esperançoso, eu acredito, eu confio, mas vou ficar feliz aqui como eu sempre fui, jogando bem, ajudando minha equipe. Eu tenho que continuar trabalhando, não importa se vou ser chamado ou não, quero fazer o meu melhor sempre, é um objetivo. Ele (Mano) tem muitos jogos para ver, não dá para ir em todos. Mas tenho certeza de que ele vai assistir pela televisão – disse o Gladiador.

Para que tantos sonhos se concretizem, o primeiro passo para Kleber é ajudar o Palmeiras a chegar na decisão do Paulistão. Caso conquiste a taça, chegue à Seleção e encerre a carreira no clube, como ele deseja, a presidência do Palmeiras já não será algo tão distante assim.

Notícias relacionadas