Gisele sobre cirurgia: 'Não ficou como eu esperava, fiquei deprimida' - WSCOM

menu

Entretenimento

09/11/2018


Gisele sobre cirurgia: ‘Não ficou como eu esperava, fiquei deprimida’

Foto: autor desconhecido.

As revelações não param. Gisele Bündchen usou o seu novo livro autobiográfico – My Path to a Meaningful Life – para desabafar sobre o início da sua carreira, o casamento com Tom Brady e as inseguranças que sentiu em relação ao seu corpo após ter sido mãe.

Com uma carreira de sucesso no mundo da moda, a modelo brasileira recebeu o apelido de ‘TheBody (o corpo)’. Um apelido que rapidamente se transformou em pressão e em inseguranças que cresceram após o nascimento dos seus dois filhos – Benjamin e Vivian.

“Quando ia fazer um trabalho, algumas pessoas faziam comentários, direta ou indiretamente. ‘O que aconteceu com os seus seios?’, diziam, ou: ‘Os seus seios ficaram tão pequenos!’. Alguns até sugeriam que eu colocasse enchimento de silicone no meu sutiã”, estas foram as críticas que motivaram as suas primeiras inseguranças.

“Sentia que, de alguma forma, não conseguia corresponder às expectativas dos outros e dar o meu melhor. Ainda assim, era impossível voltar a ter o corpo que tinha antes de ser mãe”, lamenta Gisele, que viu no silicone uma boa opção para recuperar a auto-estima.

“Escolhi confiar no meu cirurgião, acreditando que ele sabia o que era melhor para mim…”. A modelo foi confiante para a cirurgia, mas logo após percebeu que tinha cometido um erro. “Quando a cirurgia acabou, não conseguia reconhecer o meu corpo. Não ficou como eu imaginava. Fiquei incomodada e deprimida”, confessa.

Ainda assim, Gisele diz ter aprendido uma lição com toda a situação: “Ouça a sua voz interior em primeiro lugar, para ter clareza sobre o que realmente quer, antes de tomar decisões importantes”. Com informações Notícia ao Minuto.