Gervazio Filho e Ariano Fernandes se desentendem por substituição na CCJ - WSCOM

menu

Política

04/08/2005


Gervazio Filho e Ariano Fernandes

O deputado estadual Gervazio Filho (PMDB) criticou o parlamentar Ariano Fernandes, que protestou contra a sua substituição pela deputada Olenka Maranhão na Comissão de Constituição e Justiça. Gervazio argumentou que Ariano não representa a Oposição, por ter assumido uma posição política favorável às bases governistas.

“Se Ariano saiu da Oposição, que fique no Governo plenamente, ele não quer aceitar a sua posição política. Ele quer ficar no Governo ocupando espaços da Oposição na Assembléia”, disse.

A substituição foi feita na terça-feira. Segundo Gervazio Filho, o regimento interno diz no artigo 207 que o deputado que se desvincular de sua bancada perde o direito a cargos e funções que ocupar em razão delas, exceto em se tratando em cargos da Mesa Diretora.

Ariano Fernandes afirmou que irá aguardar o pronunciamento da assessoria jurídica da Assembléia Legislativa para saber se o pedido feito por Gervazio Filho será deferido. “O que eu quero dizer é que aqui assisti o deputado Pedro Medeiros ser eleito pelo PMDB o 1º Mesa e ninguém foi atrás do cargo. Aqui eu assisti o então deputado Ricardo Coutinho deixar o PT e não perdeu os cargos. Vejo uma retaliação à minha decisão de deixar o PMDB”, contra-argumentou.

Ele alega que o grupo sabia antecipadamente que ele fazia parte do G-6, e isso não pode ser usado agora para justificar essa substituição.

Notícias relacionadas