Frustração de sobra! Prejudicado, Fla fica no zero com o Volta Redonda - WSCOM

menu

Futebol

16/03/2019


Frustração de sobra! Prejudicado, Fla fica no zero com o Volta Redonda

Fla perde chances, tem gol mal anulado e pênalti ignorado pela arbitragem e fica no 0 a 0 com Voltaço, perdendo chance de classificação antecipada às semis do Carioca

Houve muita luta, mas só sobrou frustração ao Flamengo no Maracanã. Em jogo no qual foi prejudicado por um gol mal anulado e um pênalti não marcado, o time alternativo do Rubro-Negro não saiu do 0 a 0 com o Volta Redonda, neste sábado, pela 4ª rodada da Taça Rio, e perdeu a chance de se classificar às semifinais do Campeonato Carioca antecipadamente.

Com o resultado, a equipe de Abel Braga foi a oito pontos no Grupo C e segue na vice-liderança na Taça Rio. Já o Voltaço está com sete pontos no Grupo B. 

Haja trapalhada…
Mesmo dominando as ações, a equipe alternativa do Flamengo lutava  na etapa inicial para superar sua nítida falta de entrosamento. Após investida de Arrascaeta, Ronaldo e Uribe pararam na defesa. Em nova chance, Uribe e Rodinei trombaram ao concluir. Além disto, a falta de pontaria pairou no Rubro-Negro. Vitor Gabriel furou na sobra de dividida entre Trauco e Luis Paulo. Já Lucas Silva e Uribe bateram cruzado, mas sem direção nenhuma.

Voltaço avança e Fla assusta
Tendo Douglas Lima como válvula de escape, o Volta Redonda apostou na bola aérea para tentar surpreender. João Carlos teve duas chances e Marcelo tirou tinta do travessão. Mas era o Rubro-Negro que seguia martelando. Vitor Gabriel desviou cruzamento e, no rebote de Douglas Borges, Lucas Silva concluiu por fora da rede. No finzinho, Arrascaeta teve a chance de redimir a etapa inicial do Fla, mas o camisa 14 pegou mal diante do goleiro batido.

Que sufoco…
A falta de precisão ditou a volta do intervalo. Ousando mais, o Volta Redonda pressionava a área rubro-negra, mas pecava nos cruzamentos e em frequentes erros de passes. Padecendo nos passes e na criação de jogadas, o Flamengo só se encontrou a partir dos 15 minutos. Trauco bateu falta precisa, mas Douglas Borges espalmou. Lançado para fortalecer o meio do Rubro-Negro, Diego lançou Uribe, mas o gringo hesitou diante do gol. Rodinei ainda cabeceou e a bola tocou na mão de Luis Paulo, mas o árbitro ignorou pênalti.

Entrega e… gol (mal) anulado!
O Voltaço até esboçou uma reação quando Marcelo exigiu Gabriel Batista. No entanto, o Rubro-Negro colecionava chances perdidas. Ronaldo finalizou por cima do travessão. Em seguida, Arrascaeta cruzou e Uribe cabeceou no travessão. O uruguaio emendou colocado e parou em Douglas Borges parou. Aos 46, a torcida chegou a comemorar quando Diego bateu e, após rebote do goleiro, Hugo Moura marcou. Mas a bandeirinha Rachel de Mattos Bento anulou erradamente, mantendo o tom de frustração flamenguista no Maracanã.


Por LanceNet