FHC admite derrota histórica do PSDB e ataca família Bolsonaro: 'ligação com milicianos' - WSCOM

menu

Política

03/02/2019


FHC admite derrota histórica do PSDB e ataca família Bolsonaro: ‘ligação com milicianos’

Ex-presidente admitiu que o PSDB sofreu um revés histórico e que preocupa uma suposta ligação de pessoas próximas a família Bolsonaro com milicas no Rio de Janeiro.

Na imagem, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso

O ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso (PSDB), admitiu neste domingo (3), em sua coluna na agência de noticias El País, que o PSDB sofreu um revés histórico na última eleição fazendo uma auto-critica ao seu partido. 

Em trecho, o tucano admite que uma das principais siglas do Brasil “perdeu feio” e que precisa de uma reconstrução.

 

“O PSDB precisa reconhecer que perdeu feio e analisar o porquê disso, bem como atualizar-se. Será capaz? Não sei. O mundo mudou muito, a própria ‘social-democracia’ é datada”, disse Fernando Henrique. 

 

Na oportunidade, o ex-presidente ainda criticou o atual, Jair Bolsonaro, além do seu filho Flávio Bolsonaro e a Ministra Damares, no que ele chama de “tendências autoritárias”. Segundo Fernando Henrique, as relações da família Bolsonaro com milicias na cidade do Rio de Janeiro preocupam o Estado democrático.

 

“No governo existem tendências autoritárias e gente que vê fantasmas no “globalismo”. Também há pessoas que, contra os supostos males da “ideologia de gênero”, advogam que meninos usem roupas azuis e meninas, cor-de-rosa. Mais grave, existem pessoas do círculo familiar do presidente que parecem ter relações bem próximas com as milícias cariocas”, citou.

 

Da Redação
Portal WSCOM