Festival Aiê celebra a cultura negra na ladeira da Borborema - WSCOM

menu

Artes

04/09/2018


Festival Aiê celebra a cultura negra na ladeira da Borborema

Foto: autor desconhecido.

De 25 a 30 de setembro na ladeira da Borborema, Centro Histórico de João Pessoa, região erguida por muita energia e tantas mãos negras, o Ateliê Multicultural Elioenai Gomes, Cosmopopeia e Maracá Cidadania proporcionarão um espaço de celebração à arte negra em suas múltiplas linguagens.

O aiê, da palavra ao corpo, vem como ferramenta de expansão do ser humano, dos diálogos e representações do corpo negro com uma programação composta por mostras de cinema, exposições coletivas de artes visuais, feiras, literatura, dança e música. expressões artísticas atravessadas pelo encontro da ancestralidade e contemporaneidade em conexão com a memória coletiva e ancestral.

Através de ações socioeducativas e culturais, utilizando a arte como instrumento, o aiê tem como objetivo celebrar a Mãe Terra – “Aiê” – e sua multiculturalidade com um olhar para a humanidade e o reconhecimento da cultura negra.

E, além disso, promover essa cultura e celebrar a cultura de paz reconhecendo a importância da conexão entre os seres visíveis e invisíveis, a fim de vitalizar o Centro Histórico de João Pessoa junto a seus diversos agentes potencializadores.

A programação será totalmente gratuita e está sendo finalizada com o propósito de viabilizar um espaço de protagonismo para a vasta produção negra local tendo como uma das atrações confirmadas a cantora, compositora, instrumentista e escritora paraibana Cátia de França.

Serviço

.Aiê.

25 a 30 de setembro de 2018

Ladeira da Borborema

Gratuito

Realização e produção:

Cosmopopeia + Ateliê Multicultural Elioenai Gomes + Maracá Cidadania

Identidade visual: Daniel Vincent