Federação Paraibana de Futebol e clubes podem perder patrocínio da Caixa - WSCOM

menu

Futebol

01/12/2018


Federação Paraibana de Futebol e clubes podem perder patrocínio da Caixa

Em 2018, o Campeonato Paraibano recebeu R$ 500 mil.  A verba foi investida na premiação dos clubes no campeonato e arbitragem, que antes eram despesas dos clubes

Foto: autor desconhecido.

Da Redação / Portal WSCOM

O Tribunal de Contas da União divulgou um acórdão definindo que é irregular o patrocínio de empresas estatais aos clubes de futebol e federações, se estendendo também a outros esportes. O relator do acórdão foi o paraibano Vital do Rêgo. Com isso, os clubes paraibanos perderiam em 2019 o seu principal patrocinador,  a Caixa Econômica Federal. 

Em 2018, o Campeonato Paraibano recebeu R$ 500 mil.  A verba foi investida na premiação dos clubes no campeonato e arbitragem, que antes eram despesas dos clubes.

Segundo o TCU, pelo atual modelo, o contrato de patrocínio da Caixa se assemelha àqueles comuns no setor privado. O banco faz o aporte financeiro e, em troca, o patrocinado entrega, como contrapartida, visibilidade para a Caixa.

Entretanto, de acordo com o Tribunal, não há exigência de comprovação de como o dinheiro foi gasto. Em seu voto, Vital do Rêgo negou a exigência de prestação de contas com comprovantes de despesas.