Ex-secretário afirma que recebeu proposta de propina - WSCOM

menu

Brasil & Mundo

02/08/2005


Ex-secretário afirma que recebeu propost

O ex-secretário Nacional de Segurança Pública Luiz Eduardo Soares afirmou nesta terça-feira que foi procurado pelo empresário do ramo de jogos Sérgio Conozzi supostamente com uma proposta de propina. Soares aceitou fazer uma acareação com o empresário, que será o próximo a depor na CPI dos Bingos. Segundo o ex-secretário, Conozzi era ligado a Waldomiro Diniz e estava no esquema de cobrança de propinas.

O ex-assessor da Presidência da República Waldomiro Diniz está envolvido em denúncias de uma tentativa de intermediação, junto à Caixa Econômica Federal, para a renovação do contrato com a empresa GTech. Ele é alvo de investigação da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) dos Bingos, onde Luiz Eduardo depôs nesta terça-feira.

Conozzi fez uma proposta para Soares enquanto era ainda candidato a vice-governador do Rio. Soares afifma que não fez a denúncia antes porque temia prejudicar o PT durante as eleições.

“Ele me procurou com uma proposta de corrupção extensa. Ele queria montar uma rede para desviar recursos públicos do Estado. A proposta envolvia a nomeação por parte dele de cargos de direção e de chefia em postos chave, como secretaria de obras e o controle da massa falida do Banerj [Banco do Estado do Rio de Janeiro], chegando até a Loterj [Loteria Estadual do Rio de Janeiro]”, disse Soares.

Notícias relacionadas