Ex-presidente da CBF é condenado pela Justiça por corrupção - WSCOM

menu

Esporte

21/11/2018


Ex-presidente da CBF é condenado pela Justiça por corrupção

O ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) José Maria Marin foi condenado a pagar US$ 137 mil (R$ 519 mil) à Fifa e à Conmebol, por crimes de corrupção.

Foto: autor desconhecido.

O ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) José Maria Marin foi condenado a pagar US$ 137 mil (R$ 519 mil) à Fifa e à Conmebol, por crimes de corrupção. A decisão que condenou Marin foi definida pelo Tribunal Federal do Brooklyn, nos Estados Unidos.

Os crimes foram cometidos entre os anos de 2012 e 2015. Marin foi sentenciado na operação denominada como “Fifagate”. Os valores em que Marin foi condenado a pagar dizem respeito a salários e benefícios pagos na época em que ele ocupou cargos nas duas instituições.

O processo foi presidido pela juíza Pamela Chen. José Maria foi acusado de desviar ilegalmente US$ 6,5 milhões em contratos de direitos comerciais de competições como a Copa do Brasil, a Libertadores e a Copa América.

Por Portal T5

Portal WSCOM