Ex-detento é morto a tiros no Bairro Treze de Maio - WSCOM

menu

Policial

17/10/2005


Ex-detento é morto a tiros

O ex-presidiário Fernando Djalma Lins, de 19 anos, foi morto na manhã desta segunda-feira com três tiros de revólver por desconhecidos que estavam em uma moto não identificada.

O crime aconteceu por volta das 7h30 na Rua Jornalista Alírio Wanderley, no Conjunto Treze de Maio, em frente à casa 193, quando Astrim, como era conhecido o ex-detento, se dirigia para sua casa. Ele morava na Rua Josefa Moreira de Oliveira, no Bairro Padre Zé.

Segundo a polícia, Astrim estava em uma bicicleta e foi surpreendido por dois homens que estavam em uma moto. O carona efetuou três disparos que atingiram a vítima na cabeça. O delegado Marcelo Bion, da 2ª Distrital, esteve no local, autorizando a remoção do corpo para o Departamento de Medicina Legal.

Astrim, segundo informações, se encontrava no Presídio do Roger de onde foi liberado a cerca de trinta dias. Considerado de alta periculosidade era apontado como chefe de gang da Rua do Cano que age na orla marítima e em alguns bairros da Capital.

Notícias relacionadas