Em SP, deputado Trócolli discute reabilitação de dependentes químicos - WSCOM

menu

Política

29/06/2018


Em SP, deputado Trócolli discute reabilitação de dependentes químicos

Foto: autor desconhecido.

Na semana em que se comemorou o Dia Internacional de Combate às Drogas, a preocupação com um projeto voltado para a recuperação de dependentes químicos na Paraíba levou o deputado estadual Trócolli Junior (Podemos) a uma audiência com o governador de São Paulo, Márcio França, nesta quinta-feira (28).

O parlamentar quis conhecer as propostas implantadas lá para buscar ideias mais aprofundadas do que pode ser feito no sentido de mudar a realidade dos paraibanos que já se envolveram no mundo da dependência às drogas, mas podem e devem ser tratados para se recuperar do vício.

Uma das iniciativas implantadas em São Paulo é o Programa Recomeço, referência em tratamento a dependentes químicos. Lá é um local de apoio principalmente aos usuários de crack, onde são oferecidos tratamento e acompanhamento multiprofissional ao paciente e também aos familiares dele.

Aqui na Paraíba, Trócolli já teve a iniciativa de destinar emendas parlamentar para a construção de um Centro de Reabilitação de Dependentes Químicos. A proposta é criar um espaço que possibilite um melhor acolhimento e implantação mais humanizada de métodos terapêuticos a esses pacientes. Nesse sentido, ele pretende insistir no assunto e novamente destinar emenda para isso.

“A construção de um Centro de Reabilitação de Dependentes Químicos é primordial para fazer com que essas pessoas voltem à sua vida normal e deixem as drogas para sempre. Nesse local irá existir serviços que terão por objetivo garantir um ambiente residencial protegido, técnica e eticamente orientado, que leve a mudança de estilo de vida e resgate da identidade do residente durante o período de tratamento”, argumentou Trócolli.
Para o legislador, conhecer projetos que têm dado certo e trazê-los para a Paraíba será uma forma de mudar a vida das pessoas. “Esse programa que funciona em São Paulo oferece uma rede de ajuda mútua no processo de recuperação das pessoas que promove oportunidades de aprendizado social e crescimento pessoal. Ele resgata a cidadania, através dos vários papeis sociais que o residente assume como membro responsável do Centro. Se algo assim vier a existir na Paraíba será a oportunidade de teremos de mudar a vida desses dependentes e também de todas as famílias que vivenciam esse mal”, finalizou.

Notícias relacionadas