Eliza se coloca contra exposição do Santander cancelada: "Não é arte, é lixo" - WSCOM

menu

Política

14/09/2017


Eliza ataca exposição polêmica: "Lixo"

DEPUTADA TUCANA

Foto: autor desconhecido.

A deputada Eliza Virgínia (PSDB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa, na sessão desta quinta-feira (14), para atacar a exposição Queermuseu, que foi cancelada pelo Santander, em Porto Alegre.

A parlamentar considera o caso um crime, pois 'agridem símbolos religiosos do nosso país'. Ela disse que o banco deve também ser responsabilizado por apoiar a exposição.

 "O que eles fizeram foi um crime. Vilipendiaram símbolos cristão, que está previsto no código penal, no artigo 208. Ou seja, é uma atitude criminosa", contou Eliza.

Eliza afirmou ainda que a exposição é 'pornográfica, incita a pedofilia, promove a bestialidade, que é sexo com animais, ataca os símbolos religiosos e subvertem os valores morais, ético e cristãos'.

"Isso para mim não é arte, isso para mim é lixo e lixo deve ser jogado no lixo', disparou. 

Notícias relacionadas