Eliza elogia liminar da 'cura gay' e critica 'ditadura do ativismo homossexual' - WSCOM

menu

Política

19/09/2017


Eliza elogia liminar pela 'cura gay'

DEPUTADA DO PSDB

Foto: autor desconhecido.

A deputada estadual Eliza Virgínia (PSDB) apoiou, nesta terça-feira (19), a liminar, concedida ontem pela justiça do Rio de Janeiro, que permite que psicólogos classifiquem a homossexualidade como doença e ofereçam a 'cura gay'.

“Se eu como cidadã que tenho plano ou uso o SUS, e vou ao psicólogo para ter uma conversa sobre minha orientação sexual ou seja lá o que for, tenho que ser livre”, afirmou a deputada tucana.

Ela ainda criticou o 'ativismo homossexual', que segundo Eliza promove a 'ditadura homossexual', ao não permitir a liberdade em querer tal tratamento,

“No Brasil, esse ativismo todo homossexual que existe forma uma verdadeira ditadura, que está privando até os brasileiros fazerem o que querem. Agora para fazer acompanhamento psicológico ou intervenções cirúrgicas para sair do hétero para homo pode, mas o inverso não pode?”, declarou Virgínia.

Notícias relacionadas