CBF e STJD teriam atuado irregularmente na eleição de Michele Ramalho na FPF, segundo reportagem - WSCOM

menu

Esporte

23/12/2018


CBF e STJD teriam atuado irregularmente na eleição de Michele Ramalho na FPF, segundo reportagem

Foto: autor desconhecido.

Reportagem do Esporte Espetacular deste domingo (23) aponta uma série de supostas irregularidades que teriam culminado na eleição da advogada Michele Ramalho na Federação Paraibana de Futebol. De acordo com a matéria, funcionários da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e do do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) de articularam para eleger Michele.

A reportagem aponta o afastamento de Nosman Barreiro pelo STJD, após criticas a CBF, e intervenção pela instituição maior do futebol brasileiro na FPF após pedido do Treze Futebol Clube. Um especialista consultado pelo programa, avalia que houve fraude processual no caso.

O interventor da CBF, João Bosco Luz, teria atuado no estado pela eleição de Michele Ramalho, ordenando a inscrição de clubes e ligas amadoras  irregulares na Federação. Michele já atuou para a CBF e era auditora do STJD.

Confira a reportagem na íntegra aqui.

Por Redação / Portal WSCOM