Educação, infra-estrutura e integração dos gestores são temas de debate em encon - WSCOM

menu

Política

27/05/2008


Educação, infra-estrutura e integração d

Investimentos na educação, infra-estrutura e integração dos gestores dos diferentes níveis foram os temas abordados durante o primeiro dia do IV Encontro Nordestino de Prefeitos, que está sendo realizado até hoje, em Fortaleza, capital do Ceará. Na primeira palestra, o governador cearense, Cid Gomes, privilegiou a defesa de uma maior sintonia entre todas as eferas de governo, principalmente na questão de infra-estrutura e educação.

Segundo o governador, que elogiou o maior evento municipalista da região, a ampliação do uso das energias renováveis deve ser visto como prioritário pelos gestores que visam o desenvolvimento sustentável do Nordeste. Cid Gomes enfatizou as energias eólica (obtida através do vento) e solar.

Durante seu pronunciamento, o governador do Ceará revelou que, dentro dessa visão renovadora, o Estado deve implantar uma estrutura para a produção de 50 megawats de energia eólica. Ele se mostrou preocupado com a questão energética em toda a região Nordeste e afirmou que no caso do Ceará, toda a energia consumida é proveniente de importação.

“A implantação de uma produção de energias renováveis vem como possibilidade de fazer com que o Ceará comece a gastar menos com esta importação e tenha condições de produzir aquilo que consome. Isso deve ser um pensamento de todos os prefeitos e governadores nordestinos”, explicou o Cid Gomes.

O governador acredita que o desenvolvimento desse tipo de produção, com o consequente barateamento da técnica, será a saída para diminuir a dependência de energia elétrica que os estados nordestinos possuem. “Os governantes nordestinos têm que se unir e cobrar das bancadas federais em seus estados uma legislação que facilite esta produção de energias renováveis, para assim, podermos nos desenvolver neste sentido”, completou.

Ele afirmou que ninguém vai conseguir baratear a energia eólica e solar sem investir em produção. “Persistência e perseverança devem nortear a relação dos interessados numa produção de energia limpa, numa forma de pactuar a união de todos os estados do Nordeste”, disse.

O presidente da UNEP e prefeito de Sousa, Salomão Gadelha, também defendeu a produção de energias renováveis como solução de muitos problemas que os estados nordestinos enfrentam. “Tenho a convicção de que a energia solar é uma questão dogmática, porque se tratar de uma fonte de energia que não precisa de cabeamento para alimentação. Você pode produzi-la em qualquer local e consumi-la ali mesmo. Eu acredito na energia solar como a fonte de energia para um futuro breve”, disse.

Educação e Saúde

Cid Gomes também falou sobre a importância de investir na educação, que ele considera a principal responsável pela formação de um futuro melhor. Além da questão da educação, ele defendeu, também, a volta da CPMF como grande alternativa de melhorar a saúde em todos os estados brasileiros.“A saúde não pode ficar a mercê de outros ministérios. Ela tem que ter recursos próprios”, enfatizou.

Ele admitiu que o Ceará hoje ainda está inserido em falhas na saúde pública devido esta falta de investimentos específicos destinados à saúde. Cid Gomes revelou que os sete únicos hospitais mantidos pelo Estado estão em Fortaleza, o que traz uma superpopulação nestes locais. “Temos um projeto para dividir a saúde em 21 microrregiões, e cada uma delas terá uma policlínica para melhorar a distribuiçào de atendimento na rede médica em todo o Estado”, finalizou.

Transposição e Recursos Hídricos

O projeto de integraçao de bacias do São Francisco ao Nordeste Setentrional e formas de otimizar a utilização dessa importante obra para a região também foram discutidas no evento, ontem. O deputado federal Marcondes Gadelha falou da importância da integração e da segurança que o projeto possui para concretizar um sonho centenário do semi-árido nordestino.

Participaram também do debate o deputado estadual de Pernambuco, Geraldo Coelho, e o presidente da Companhia de Gestao dos Recursos Hídricos do Estado do Ceará, Francisco Teixeira.

O prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, falou sobre experiencias inovadoras de sucesso administrativo, encerrando as palestras do primeiro dia.

Notícias relacionadas