Criminosos que explodiram banco trocam tiro com polícia e quatro morrem - WSCOM

menu

Policial

03/09/2017


Três morrem após tiroteio com polícia

EM BREJO DO CRUZ

Foto: autor desconhecido.

Quatro suspeitos de pertencerem à quadrilha responsável por explodir uma agência bancária em Brejo do Cruz foram mortos durante tiroteio com policiais na manhã deste domingo (3), entre as cidades de Janduís e Campo Grande, no Oeste do Estado do Rio Grande do Norte.

De acordo com informações do 12º Batalhão de Polícia Militar de Catolé do Rocha, os policiais conseguiram descobrir onde o grupo estava escondido e fizeram o cerco. Após mais de meia hora de troca de tiros, constatou-se os quatro suspeitos que receberam a polícia à bala foram mortos e um policial ficou ferido (de raspão, sem gravidade).

Todo o material usado na explosão em Brejo do Cruz e em outras agências bancárias foi apreendido.

A quadrilha é formada por criminosos do Rio Grande do Norte e os demais integrantes já foram identificados. O arsenal apreendido foi levado para a Delegacia de Polícia Civil, em Patu-RN. Durante a ação que prendeu os bandidos.

Os corpos dos quatro criminosos que morreram após atirar na PM, foram levados para uma unidade do Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio Grande do Norte (ITEP).

O crime 

Por volta das 4h40 da manhã, a quadrilha chegou à cidade de Brejo do Cruz, com os integrantes vestindo roupas rajadas e todos encapuzados. Eles estavam em vários carros e cada um ficou em um ponto da cidade com armas de grosso calibre, enquanto quatro criminosos explodiam os caixas eletrônicos da agência. Os acusados não conseguiram levar dinheiro e fugiram assim que perceberam que estava chegando reforço policial, espalhando grampos pela pista durante a fuga. A quadrilha foi perseguida e seus integrantes cercados no Rio Grande do Norte, em uma ação que mobilizou policiais militares dos dois Estados, tendo como desfecho a apreensão de todo o arsenal e os carros usados no crime.

Notícias relacionadas