Cresce número de padarias clandestinas na Grande João Pessoa; Procon articula fi - WSCOM

menu

Economia & Negócios

07/06/2006


Cresce número de padarias clandestinas

O secretário executivo do Procon Municipal, Sandro Targino, revelou ao WSCOM Online o crescimento de padarias clandestinas na Grande João Pessoa. Ele articula fiscalização para detectar os estabelecimentos ilegais.

Targino informou que o número das panificadoras clandestinas é muito alto e nem a Vigilância Sanitária, nem o Procon e Sindicato dos Panificadores (Sindpan) conseguem fiscalizar todos os estabelecimentos que operam sem licenças.

“O consumidor deve ser o nosso maior fiscal, denunciando ao Procon qualquer irregularidade”, disse.

O Sindpan informou que o número vem crescendo tanto que não consegue mais contabilizar esses estabelecimentos.

O subsecretário executivo do Procon-PB, Murilo Padilha, disse que pretende convocar todas as entidades de defesa do consumidor, bem como os representantes dos panificadores, para realizar uma investigação conjunta.

“Pretendemos chamar os donos dos estabelecimentos ilegais e abrir incentivos para que eles possam se adequar as normas exigidas. Nossa intenção não é fechar e causar desemprego. Queremos dar oportunidade a essas pessoas”, declarou.

Notícias relacionadas