Corpo do tenente assassinado durante fuga de detentos do PB1 será sepultado nesta terça - WSCOM

menu

Policial

11/09/2018


Corpo do tenente assassinado durante fuga de detentos do PB1 será sepultado nesta terça

Foto: autor desconhecido.

O corpo do tenente Erivaldo Silva Moneta, de 34 anos, assinado com um tiro na cabeça, após fuga de detentos na madrugada de ontem (10), do presídio PB1, em João Pessoa, foi velado na Mortuária Rosa de Saron, no bairro de Jaguaribe e em seguida, será levado para o bairro Santo Amaro, em Recife, onde também será velado e sepultado.

Entenda o caso – Cerca de 20 homens fortemente armados atacaram o presídio PB1, na madrugada da última segunda-feira (10), no bairro Jacarapé, em João Pessoa. Moradores da região circunvizinha relataram ter ouvido muitos tiros, além do barulho de uma explosão. O portão da penitenciária foi explodido. Imagens de como o presídio ficou após o ataque circularam nas redes sociais. Alguns moradores compartilharam áudios com o barulho dos tiros.

Ao todo, 92 presos fugiram. Até o momento 48 foram capturados.

No período vespertino, a Polícia Militar prendeu cinco homens e dez mulheres suspeitos de realizarem o ataque. O grupo foi localizado e preso quando estava hospedado um flat na orla de Manaíra, bairro nobre da capital. Segundo a PM, eles estavam dentro de veículos e portavam seis fuzis, que teriam sido utilizados na ação criminosa. Todo o material encontrado foi apreendido.

Com T5

Notícias relacionadas