Construtora é acusada de superfaturamento em contratos com municipios paraibanos - WSCOM

menu

Paraíba

26/10/2005


Construtora é acusada de superfaturament

O Tribunal de Contas do Estado solicitou a Receita Federal e ao INSS uma investigação para verificação de contribuições e impostos devidos e pagos da Empresa Caiçara Ltda. A construtora é acusada de superfaturamento entre os anos de 2002 e 2003 na ordem de R$ 6,6 milhões em decorrência de contratos firmados com municípios da Paraíba.

Outra firma – a Silva Com. Rep. e Construção Ltda. – foi citada no mesmo processo como “empresa de fachada, criada para o fornecimento de notas”.

O Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA) também deverá ser informado sobre o caso. A providência foi sugerida, nesta quarta-feira, 26, durante o julgamento de denúncia de superfaturamento de obras, desvio de recursos públicos e sumiço de veículos oficiais feita contra o ex-prefeito de Salgadinho Luciano Morais da Silva pelo vereador José Victor Bezerra Filho.

O TCE acatou a proposta do auditor Antonio Gomes Vieira Filho, relator do processo e imputou ao ex-prefeito de Salgadinho o débito de R$ 83,2 mil por irregularidades que incluíram serviços não comprovados de recuperação de estradas, falta de dois veículos da frota municipal e gastos também não comprovados com reforma do prédio da Prefeitura.

Notícias relacionadas