Concurso premiará trabalhos de Design paraibanos - WSCOM

menu

Economia & Negócios

17/09/2018


Concurso premiará trabalhos de Design paraibanos

Foto: Reprodução

Com o objetivo de incentivar a criatividade, o empreendedorismo e a inovação por meio do Design, além de apresentar e aproximar exemplos de design e da produção industrial paraibana ao público demandante, estão abertas as inscrições para o Prêmio do Salão de Design da Paraíba 2018. As inscrições podem ser feitas até o dia 5 de outubro através do site (http://salaodesign.joaopessoacriativa.com.br/).

O concurso será realizado no complexo Estação Cabo Branco, de 19 a 25 de novembro, e integra a programação da Feira Internacional da Economia Criativa. O evento é promovido pelo Sebrae Paraíba e pela Prefeitura Municipal de João Pessoa com o apoio das instituições de ensino do Design na PB (UFPB, UFCG, IFPB, UNIPE e SENAI) dentro das ações do programa João Pessoa Cidade Criativa da Unesco.

Com o prêmio, os idealizadores do Salão de Design querem conhecer e valorizar os trabalhos realizados na Paraíba por meio da exibição de 100 projetos, que serão selecionados por jurados e irão compor uma mostra. Serão aceitos trabalhos nas áreas de Design de Moda, Produto, Gráfico e de Interiores.

Dos 100 projetos escolhidos, 16 serão premiados e receberão o Selo do Salão, troféu e menção honrosa. Serão aceitas propostas de trabalhos individuais ou feitos em grupo (também de empresas) com até cinco pessoas. O regulamento com o cronograma do concurso e mais informações sobre a inscrição e processo de escolha dos trabalhos também está disponível no site do evento.

Festival Internacional de Economia Criativa

A primeira edição do Festival Internacional de Economia Criativa acontecerá na capital paraibana no período de 19 a 25 de novembro de 2018. O evento tem como objetivo abrir novos mercados para o artesanato, o design, a música e o audiovisual, além de projetar e posicionar a cidade de João Pessoa como polo de escoamento da produção criativa da Paraíba e do Nordeste brasileiro.

O evento também faz parte das ações de acesso ao mercado, previstas no projeto de economia criativa do Sebrae da Paraíba – 2018/2019, que beneficiará os segmentos de comunicação, design, startups digitais, música, audiovisual e tecnologia da informação e comunicação de nove municípios paraibanos: João Pessoa, Cabedelo, Santa Rita, Campina Grande, Remígio, Matinhas, Patos, Santa Luzia e São Mamede.

De acordo com Regina Amorim, gestora de Turismo do Sebrae, o Festival pretende estimular a cooperação técnica entre as cidades da Rede Mundial de Cidades Criativas da Unesco em todos os segmentos da Economia Criativa e criar laços de cooperação e intercâmbio, gerando maior demanda e consequentemente mais trabalho e renda para os artistas e produtores locais.

Notícias relacionadas