'Compromisso com a Democracia' quer aproximar MPE da sociedade - WSCOM

menu

Paraíba

20/07/2009


'Compromisso com a Democracia' quer



Chapa sendo recepcionada pelo diretor presidente do Grupo WSCOM, Walter Santos

Dando sequência a cobertura da eleição para Procurador Geral de Justiça, o Grupo WSCOM de Comunicação, recebeu a visita da chapa Compromisso com a Democracia, que destacaram a necessidade de se dá mais agilidade ao Ministério Público e ao mesmo tempo aproximar mais ao orgão da sociedade. Os três componentes da chapa, os promotores João Arlindo e Oswaldo Trigueiro Filho e o procurador Nelson Lemos, se reservaram nas respostas durante a entrevista.

Sobre a atual fase do Ministério Público, os componentes da chapa destacaram que o orgão ganhou uma afeição com a Constituição de 1998, quando passou a ter um caráter mais social. João Arlindo reconheceu alguns avanços da administração de Janete Ismael, mas é preciso dá mais agilidade e aproximar o MP da sociedade. Já Oswaldo Trigueiro destacou a evolução do nível cultural da população e disse que é preciso ter coerência entre o discurso e a pratica. O procurador Nelson Lemos declarou que é inegável os avanços da gestão de Janete, mas que nas viagens que fizeram pelo estado em campanha verificaram que existe muito coisa que precisa ser feito pelo MP.

Sobre o processo de formação da chapa, os três candidatos foram enfáticos ao destacar o caráter de união do grupo que apóia a candidatura deles e destacaram o desprendimento de alguns colegas que abriram mão de lançarem seus nomes, por entender que o momento exigia a formação da atual chapa. Eles citaram nominalmente os promotores Alexandre César, Fred Coutinho e Herbert Targino, que externaram o desejo de disputar a eleição, mas abriram mão.

Eles fizeram questão de ressaltar também a presença do procurador Nelson Lemos na chapa para descarta de vez o fantasma do separatismo entre promotor e procurador. “Esse discurso de separatismo simplesmente nunca existiu”, disse Arlindo.

Entre as propostas da chapa Compromisso com a Democracia, os candidatos destacaram a criação de Caops Temáticos, a implantação da Gestão Participativa, Programa de Transparência Institucional, reformulação do Caimp, a criação do Grupo de Apoio ao Promotor de Justiça, entre outros.



Chapa Compromisso com a Democracia

Uma mudança significativa que tem que ser feita no Ministério Público, segundo a chapa Compromisso com a Democracia, é a mudança no Caimp (Central de Acompanhamento de Inquéritos Policiais), para que o Ministério Público recupere sua verdadeira vocação que é a investigação. “O Caimp do jeito que esta é um mero carimbador de processos e esta dificultando ainda mais o andamento da investigação”, disse o procurador Nelson Lemos.

Sobre a morosidade da justiça, a chapa vê que ao Genesis do problema esta nas leis obsoletas e que uma modificação no código penal seria um bom começo para dar mais celeridade a Justiça. “Temos que vê também o esforço que é realizado pelos membros da Justiça paraibano, a exemplo do que esta acontecendo no Tribunal de Justiça da Paraíba”, destacou o promotor Oswaldo Trigueiro.

Sobre a convivência entre as duas chapas que concorrem para chegar a lista tríplice, os candidatos disseram que esta é uma eleição atípica e que não vai acontecer acusações pessoais, mas estão se discutindo idéias. Eles enalteceram a postura da outra chapa que assumiram o compromisso de ter uma campanha limpa.

Com relação ao caso em que o promotor de Cajazeiras, Carlos Guilherme, foi preso acusado de atirar no cunhado e em seguida foi afastado das funções, os membros da chapa alegaram que é preciso garantir a ampla defesa do promotor, assim como a de qualquer outro acusado, mas também não se pode execrar e nem passar a mão. Eles defendem ainda que haja uma ferramenta no concurso para promotor que avalie não apenas a capacidade jurídica dos candidatos, mas a vivência social, para tentar evitar que casos como este aconteça.

Nas considerações finais, os candidatos agradeceram o espaço e destacaram que em caso de um dos três ser escolhido pelo governador, após constarem na lista tríplice, vão ter na imprensa um parceiro importante na divulgação dos projetos do MP de interesse da sociedade.

Notícias relacionadas