Começa temporada anula de Cinema na Escola 2011 e Cinema na Rua - WSCOM

menu

Cinema

18/04/2011


Cinema na Escola 2011 e Cinema na Rua

Cinema

Foto: autor desconhecido.

Escolas das redes pública e privada de ensino, associações de moradores e ONGs podem participar da temporada anual de exibições do CineSesc, através da equipe do Setor de Cultura do Sesc Centro João Pessoa. As sessões são geralmente seguidas de debates, realizadas no próprio auditório da entidade comerciaria ou nos diversos espaços onde ocorrem há cerca de 12 anos. Galpões, Praças, Igrejas, Salas de aula, Centros de Convivência e Instituições
que também militam no segmento cultural.

De acordo com a organização do CineSesc, educadores e demais pessoas interessadas em participar de ações regularmente desenvolvidas pelos projetos Cinema na Escola e Cinema na Rua devem procurar o Setor Cultural, que fica sediado à Rua Desembargador Souto Maior, 281, na região central da capital paraibana, ou através do fone 32083158, nos três turnos. A expectativa é que seja retomado a partir de maio o roteiro de exibições-debate, principalmente nas escolas, considerando que desde fevereiro já estão acontecendo ações nas comunidades periféricas, a exemplo na vizinha cidade de Bayeux, reduto de grande contingente de comerciários e dependentes.

Tão logo as aulas voltaram, em março passado, os professores e dirigentes escolares passaram a novamente procurar o Sesc, que dispõe de transporte, equipe de trabalho, e servidores para atenderem aos convites. No ano passado, em dois dias úteis, o CineSesc desenvolveu parceria com a Prefeitura de João Pessoa, por meio da Sedec –
Secretaria de Educação e Cultura, que ao longo de 2010 mobilizou estudantes e professores em torno de exibições e palestras no Centro Cultural Ednaldo do Egyto, que fica localizado em Manaíra.

“Tem sido muito proveitosa essa parceria com o Sesc, no sentido de garantir também o momento de discussão entre alunos e o corpo docente de cada escola inserida no cronograma que elaboramos junto com o grupo de cinema daquela instituição. Escolhemos conjuntamente os filmes a partir do tema que buscamos abordar, envolvendo sempre questões coletivas, tais como comportamento, educação, saúde, religiosidade, drogas, sexualidade, transportes, tudo que interessa aos mais jovens”, destacou o arte-educador Beto Black, diretor do Centro Cultural Ednaldo do Egyto.

Além dos contatos com escolas e associações de moradores e organizações não governamentais, o Cinesesc vem priorizando durante o ano inteiro as mostras organizadas pelo Departamento Nacional do Sesc, tais como “Mostra Arte e Política”, “Brasil do Oiapoque ao Chuí”, “Brasil mostra a tua cara”, “Mostra Pérolas”, “Mostra Lançamentos”, “Mostra 1959: o ano mágico do cinema francês”, “Mostra Trilogia das Cores”, “Mostra Decálogo”, “II Mostra de Filmes Temáticos – Matizes da Sexualidade”, “Cinema Digital” e Lançamento do curta “Viventes”, que foram realizadas no ano passado na Paraíba e despertaram o interesse de cinéfilos locais, gerando inclusive a produção de seminários que
trouxeram para o Sesc Centro professores da UFPB, cineastas e críticos especializados.

O acervo utilizado pelo Sesc nessas atividades é articulado pelo DN – Departamento Nacional da entidade, através de parcerias com órgãos como a UFPB, CBTU e a Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes. Mais informações no SESC Centro, localizado à Rua Desembargador Souto Maior, 281, Centro, João Pessoa – Paraíba. Fone 3208-3158.

Notícias relacionadas