Centro da Juventude exibe fotos produzidas por alunos - WSCOM

menu

Entretenimento

23/10/2005


Centro da Juventude exibe fotos

O Centro da Juventude Ylton Veloso Filho, no bairro de Mangabeira, está apresentando, desde o dia 5 deste mês e até 5 de novembro, a exposição fotográfica “A cidade pela primeira vez”.

A mostra é o resultado da oficina ministrada pelo fotógrafo Mano de Carvalho, realizada entre 15 e 18 de agosto deste ano como parte do projeto Cidade Visível, realizado pela Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope). A exposição reúne 18 trabalhos fotográficos realizados pelos alunos da oficina, que teve como público alvo os jovens assistidos pelo Centro da Juventude de Mangabeira. Eles tiveram a oportunidade de exercitar o olhar fotográfico através de ‘clicks’ sobre a cidade.

O projeto João Pessoa – Cidade Visível faz uma reflexão sobre a cidade e seus moradores, através de olhares múltiplos que enquadram situações diversas captadas pelas lentes desses observadores no nosso cotidiano, e pretende criar um intercâmbio entre os profissionais, amadores e todos aqueles que apreciam a arte da fotografia.

Segundo o fotógrafo Mano de Carvalho, a oficina teve como objetivo estimular os alunos a exercitar a atividade fotográfica: “A Cidade pela primeira vez é uma oficina de iniciação à fotografia, direcionada a pessoas que nunca pegaram numa câmera, por mera falta de interesse ou por diversas outras razões. Com a oficina, as pessoas começam a perceber aquela coisa mágica da fotografia e, conseqüentemente, se interessar mais por ela”.

Mano acrescenta que tal atividade é de primordial importância para a formação intelectual dos alunos. “Eles fazem as fotos e se sentem como fotógrafos. É a alegria de dizer esta foto é minha, e quando elas vêem a foto exposta, com pessoas olhando e comentando, isto para mim estimula bastante a auto-estima dessas pessoas”.

Inclusão – O coordenador do Centro da Juventude, Alzumar Nunes (Zuma), afirma que iniciativas como essa contribuem para a inclusão social dos jovens atendidos pelo Centro, através da arte. “A juventude começou a buscar interesse pela fotografia e a descobrir um novo caminho, no caso a mágica da fotografia, a questão da inclusão dela nesse espaço que é a arte da fotografia”, comenta.

Segundo Zuma, a mostra faz parte de um projeto maior de descentralização cultural. “Quando você democratiza a cultura e a arte, traz a comunidade para conhecer e também valorizar e experimentar novas vertentes da arte e da cultura. E isto é de grande importância para nós”, avalia.

Os moradores do bairro de Mangabeira tiveram oportunidade de absorver um pouco da experiência do fotógrafo com o prazer que a arte de maneira geral oferece. Como destaca Eduardo Vinicius, participante da oficina: “Olha, como eu não tinha antes muito contato com fotografia, ou seja, de fazer a fotografia, hoje eu vejo que já me interesso mais, já comprei até uns filmes e fiquei tirando fotos; e vejo também que outras pessoas que participaram do curso gostaram bastante; a exposição eu achei também muito legal”.

O Centro da Juventude Ylton Veloso Filho fica na rua Arnaldo de Barros Moreira, 71, Mangabeira I, e é aberto ao público nos dois expedientes (das 7 às 11h e das 13 às 17h). Mais informações pelo telefone 3214-3180.

Notícias relacionadas