Cássio evita falar sobre crise de Cicero e quer unir esforços com Ricardo para r - WSCOM

menu

Política

06/08/2005


Cássio evita falar sobre crise

O governador Cássio Cunha Lima informou ao Portal WSCOM Online que mesmo com as divergências político-partidárias com o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho, pensa em unir esforços com a administração municipal para realizar a 2ª etapa do programa Cidade Verde. Ele evitou falar sobre Operação Confraria envolvendo seu aliado, Cicero Lucena, e acha que o presidente Lula superará crise..

“A relação com o prefeito vem sendo construída passo a passo dentro de uma postura de responsabilidade tanto minha quanto do prefeito. A cidade inteira sabe das nossas diferenças políticas partidárias, mas não pode ser empecilho para que nos entendamos no campo administrativo e institucional”, explicou.

Ele reafirmou que, após 420 anos, João Pessoa precisa de obras de infra-estrutura básica para o seu desenvolvimento. “Hoje a cidade só tem 50% de sua área urbana com rede de esgotos e queremos investir nisso como meta prioritária”, completou.

Ele disse ainda que, em breve, o Governo do Estado estará lançando o edital do Centro de Convenções, cuja contratação do projeto estará sendo efetivada nos próximos dias.

Ele aproveitou para mandar uma mensagem de felicitação ao ex-prefeito Cícero Lucena, que comemora aniversário no mesmo dia que a cidade de João Pessoa, mas descartou comentar a crise por que passa o companheiro de partido, acusado de fraudes na Operação Confraria. Ele, entretanto, analisou a crise nacional que envolve o PT e seus dirigentes. Na avaliação de Cássio, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva conseguirá superar as denúncias que envolvem seus correligionários.

“Espero que Lula consiga superar a grave crise, que é política e não institucional, e que tem grandes proporções. Confio plenamente na capacidade de condução do presidente, um homem sensato, equilibrado, hábil, ético, correto, e que haverá de superar essa dificuldade”, concluiu.

Notícias relacionadas