Cássio anuncia Museu na casa onde morou ex-presidente João Pessoa - WSCOM

menu

Paraíba

05/08/2005


Cássio anuncia Museu na casa

O governador Cássio Cunha Lima repetiu nesta sexta-feira que a capital da Paraíba completa 420 anos de fundação, recebendo como presente do Governo do Estado a garantia da instalação do Museu da Cidade – Império e República na casa onde morou o ex-presidente João Pessoa, na Praça da Independência.

A solenidade de assinatura do convênio entre o governador Cássio Cunha Lima e a secretária Nacional de Desenvolvimento do Turismo, Maria Luiza Leal, do Ministério do Turismo, aconteceu na tarde desta quinta-feira (4), na sede do Museu, praça da Independência.

Na ocasião, o governador destacou a importância do museu – que receberá um investimento na ordem de R$ 2,5 milhões – servindo de local onde será iniciado um projeto de preservação da história da Paraíba, desde o período do Brasil Colônia, Império e República Velha.

O museu será instalado na casa onde morou por dois anos o ex-presidente João Pessoa, local que tem um grande simbolismo na trajetória da história da Paraíba.

A proposta, segundo o goveranador, é preencher uma lacuna que existia na cidade em termo de preservação dos seus monumentos e da história. “Será um legado para as futuras gerações”, disse.

Museu – Cássio destacou que o museu terá um grande apelo turístico, que vem se juntar às obras de infraestrutura em execução na Capital, o que estará mudando a qualidade de vida das pessoas e oferecendo uma cidade aprazível para quem a visita. Sobre o projeto, ele considera excelente, o que ajudou na aprovação do Ministério do Turismo.

A secretária Maria Luiza Leal destacou a parceria entre os governos estadual e federal no setor de turismo, reconhecendo que o governador vem fazendo um esforço grande para consolidar o turismo na Paraíba. Os recursos para a instalação do museu já estão empenhados.

O Museu terá duas unidades: uma referente ao período do Império e Primeira República. Numa segunda etapa, através do Prodetur II, será estruturada a Unidade Colônia, que terá sede no prédio da Alfândega, no Porto do Capim, que faz parte do Centro Histórico de João Pessoa.

Notícias relacionadas