Caseiro e mulher são suspeitos das mortes de quatro pessoas em assentamento no C - WSCOM

menu

Policial

24/10/2005


Caseiro e mulher são suspeitos

O caseiro Nino Cara de Anjo e sua mulher ainda não identificada são os principais suspeitos das mortes dos adolescentes conhecidos por Dione Medeiros da Silva, de 12 anos, seu irmão, Diego Medeiros da Silva, de 16 anos e dos pais dos adolescentes, o casal Natanael Gomes da Silva, de 49 anos e Luzinete Medeiros da Silva, de idade ignorada. As primeiras informações dão conta de que todos foram mortos na sexta-feira.

A delegada Fabíola Maria Oliveira Costa, do Conde, tomou conhecimento apenas que Nino e sua mulher são de Canguaretama, no Rio Grande do Norte e que estão desaparecidos. O casal estava morando no assentamento a pouco mais de quatro meses e está sendo procurado pela polícia.

Os corpos foram encontrados na manhã desta segunda-feira no Assentamento Dona Antônia, município do Conde, litoral sul do Estado. Os corpos dos dois adolescentes estavam dentro da casa, já em estado de putrefação, enquanto que os corpos de Natanael e Luzinete enterrados em cova rasa no quintal da casa.No local a polícia descobriu que da casa das vítimas desapareceram um televisor, um aparelho de som, uma bicicleta, um automóvel pampa e dois animais, sendo uma vaca e uma novilha.

Os primeiros corpos a serem encontrados foram dos adolescentes, sendo que um deles estava enrolado numa rede e o outro no chão da casa. Os dois irmãos foram mortos a facadas. A polícia que eles foram eliminados como queima de arquivo.

A delegada Fabíola Costa informou que Natanael Medeiros Gomes, sua esposa, Luzinete e os filhos do casal foram vistos pela última vez na quinta-feira passada. Na manhã desta segunda-feira um vizinho da família, identificado por Daniel, sentiu um mau cheiro e resolveu chamar a polícia.

Os corpos dos adolescentes estavam em quartos separados, sendo que um deles enrolado em uma rede. Quando a polícia estava no local recebeu a informação da existência de mais dois corpos enterrados em covas rasas em quintais de duas casas no mesmo assentamento.

A localização de um dos corpos foi possível por um dos braços estava aparecendo. Era o corpo de Natanael e noutra cova o corpo de Luzinete. Os quatro corpos foram levados para o Departamento de Medicina Legal.

Notícias relacionadas