Carille aguarda Corinthians e dá prioridade ao clube em volta ao Brasil - WSCOM

menu

Futebol

24/11/2018


Carille aguarda Corinthians e dá prioridade ao clube em volta ao Brasil

O clube paulista, no entanto, esbarra no alto custo da contratação

© Getty Images

A possibilidade do retorno de Fábio Carille ao Corinthians ficou mais viável nas últimas horas. O tema, que se tornou pauta da diretoria na última semana, agora é tratado como prioridade no clube. As conversas entre as partes estão em andamento.

A reportagem apurou que o treinador do Al-Wehda, time da Arábia Saudita, dá prioridade ao Corinthians na volta ao futebol brasileiro. Além disso, o estafe de Carille aguarda um desfecho para a situação nos próximos dias.

A ideia do Corinthians é tentar trazer quase todos os integrantes da comissão técnica. Cinco seguiram os passos de Carille em maio passado, quando ele aceitou uma proposta milionária do Al-Wehda: o preparador de goleiros Mauri Lima, o auxiliar técnico Leandro da Silva, o preparador físico Walmir Cruz, o observador técnico Mauro da Silva e o analista de desempenho Denis Luup.

O clube paulista, no entanto, esbarra no alto custo da contratação. Carille ganhava R$ 300 mil quando deixou o time alvinegro rumo à Arábia Saudita. Ele voltaria para ganhar mais -a diretoria corintiana estipulou um teto salarial de R$ 400 mil nos últimos meses.

Carille e a comissão técnica custam R$ 1 milhão por mês ao Al-Wehda (R$ 800 mil somente para o técnico). O Corinthians não está disposto a elevar muito o teto salarial e ainda teria de pagar uma multa contratual ao clube saudita, no valor de US$ 700 mil (R$ 2,7 milhões) -diluída em 12 meses, essa quantia chega a R$ 225 mil mensais.

Há também a multa rescisória do técnico Jair Ventura, que seria mais baixa. Na sexta-feira (23), o treinador disse que não foi avisado sobre o futuro em 2019 e se limitou a dizer que “estava tudo normal”. O clube, em seguida, divulgou uma nota confirmando que Jair comandará o time alvinegro nas duas últimas rodadas do Brasileirão.

A reaproximação entre Carille e Corinthians começou a se desenhar na semana passada, após um encontro entre o presidente Andrés Sanchez e o empresário do treinador, Paulo Pitombeira. Os dois jantaram juntos em Londres e a situação do técnico foi abordada.

Carille se tornou treinador do Corinthians no começo de 2017, após a saída de Oswaldo de Oliveira. Cinco meses depois, ele levou o time alvinegro à conquista do Estadual. No fim do ano, a equipe se sagrou campeã brasileira. Em 2018, faturou o Paulistão novamente. Com informações da Folhapress.